Vacinas do Plano Nacional atrasam, adiando imunização nos estados

Pelo menos 6 estados que receberiam as vacinas antes das 16h, só irão receber na noite desta segunda, e 3 estados estão sem previsão

Foto: Divulgação

Jornal GGN – O Plano Nacional de Imunização não começará hoje. Pelo menos, não em todos os estados brasileiros. Isso porque boa parte dos voos com as doses das vacinas estão atrasados, alguns deles recebendo os lotes do imunizante à noite, o que impedirá que as vacinas comecem ainda nesta segunda-feira (18).

A informação foi divulgada pelo Painel da Folha de S.Paulo, que noticiou que pelo menos 6 estados que receberiam as vacinas antes das 16h, só irão receber na noite desta segunda.

Segundo o jornal, 3 estados estão sem previsão de horários para a chegada dos imunizantes – Paraná, Alagoas e Rio Grande do Norte. O Rio de Janeiro, estado mais próximo para a chegada de avião, a menos de uma hora, teve um atraso de horas: a previsão inicial era às 13h, modificada para a madrugada desta terça (19).

O governador do Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD), criticou “problema de logística” e afirmou que “não explicaram nada, simplesmente avisaram em cima da hora”.

“Todo mundo foi esperar no aeroporto, e nada. A previsão era meio-dia, depois mudou para 16h. Agora já deve ser 18h. Até que descarregue, não tem como iniciar hoje. Impossível. Só devo começar amanhã”, afirmou.

O governador disse ainda que caso fosse para o evento com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na manhã desta segunda-feira, voltaria à Sergipe sem a vacina ter chegado.

O Secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, também informou que houve três mudanças de horários: inicialmente às 9h, depois às 18h e depois às 22h.

Maranhão, Paraíba, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Pará e Pernambuco também tiveram mudanças e as chegadas atrasaram para depois das 17h até às 22h desta segunda.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora