Em 2016, desembolsos do BNDES caíram 35%

Jornal GGN – Nesta terça-feira (31), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) divulgou balanço mostrando que os desembolsos de financiamento caíram 35% em 2016 em comparação com 2015, em um total de R$ 88,3 bilhões.

Fábio Giambiagi, superintendente da instituição, a queda se deve à uma redução da demanda. “O BNDES não é uma ilha” e o resultado está dentro de um contexto de dois ou três anos ruins, afirmou. As consultas sobre potenciais financiamentos tiveram recuo de 11% no mesmo período.

O superintendente do BNDES ressaltou que o desembolso de 2016 é o menor desde 2007, quando o total chegou a R$ 64,9 bilhões. Este foi o primeiro ano desde 2008 que os desembolsos ficaram abaixo de R$ 100 bilhões.

Em dezembro, os desembolsos totalizaram R$ 11,8 bilhões, contra R$ 7,5 bilhões em novembro e R$ 6,8 bilhões em outubro. Apesar do crescimento registrado em dezembro, Giambagi diz que o resultado acima da média não é indicador de uma retomada econômica.

Entretanto, o banco está com um “otimismo moderado” em relação a 2017, principalmente em razão da queda da inflação. A instituição prevê que o Produto Interno Bruto (PIB) cresça de 0,5% a 1% neste ano. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome