Líbano: Explosão deixa mais de 200 mil desabrigados em Beirute

Autoridades disseram que o número de mortos pode aumentar ainda mais, enquanto os trabalhadores de emergência vasculham os escombros em busca de sobreviventes.

Jornal GGN – O governador de Beirute, Marwan Abboud, disse que entre 200 mil a 250 mil pessoas perderam suas casas com a explosão ocorrida ontem, dia 04. Os danos materiais variam de US$ 3 a US$ 5 bilhões. As autoridades estão trabalhando para fornecer alimentos, água e abrigo.

O presidente libanês Michel Aoun convocou uma reunião de gabinete de emergência e disse que um estado de emergência de duas semanas deve ser declarado após a grande explosão que mato, pelo menos, 100 pessoas, e feriu outras 4.000.

A explosão provocou ondas de choque em toda a cidade, causando danos generalizados até os arredores da capital.

Autoridades disseram que o número de mortos pode aumentar ainda mais, enquanto os trabalhadores de emergência vasculham os escombros em busca de sobreviventes.

A causa da explosão não foi esclarecida imediatamente. Autoridades vincularam a explosão a cerca de 2.750 toneladas de nitrato de amônia confiscado que estavam sendo armazenadas em um armazém no porto por seis anos.

Com informações do Al Jazeera.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  México quer explicações dos EUA sobre cirurgias forçadas e abusos a imigrantes

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome