Temer desiste de recorrer à Justiça para cobrar R$ 17 bilhões de ruralistas

Foto: Agência Brasil
 
 
Jornal GGN – Para não entrar em conflito com uma das maiores bancadas do Congresso, a ruralista, o governo Temer decidiu abortar a ideia de recorrer ao Supremo Tribunal Federal contra uma medida aprovada pelo Senado que perdoa R$ 17 bilhões em dívidas com o Fundo de Assistência ao Trabalhador (Funrural).
 
Segundo coluna de Mônica Bergamo, ao custo de abrir mão de R$ 17 bilhões, “a equipe de Michel Temer concluiu que não é hora de cutucar a onça com vara curta: a bancada ruralista é uma das mais poderosas do Congresso e será fundamental para barrar a segunda denúncia contra o presidente.”
 
“O governo vai escalar o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, para que ele tente convencer os parlamentares de que a medida do Senado é inadequada.”
 
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  STF rachado na questão da prisão em segunda instância, diz colunista

2 comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome