Movimentos, políticos e intelectuais prestam solidariedade a Stédile

 
Jornal GGN – Movimentos sociais, parlamentares progressistas e intelectuais emitiram uma nota de solidariedade ao líder do MST, João Pedro Stédile, que foi cercado por um grupo de pessoas com atos agressivos, na noite desta terça-feira (22), ao desembarcar do aeroporto de Fortaleza. A manifestação ofensiva foi comandada por um militante do PSDB.
 
“A ação comandada pelo empresário do ramo imobiliário Paulo Angelim, militante do PSDB, revela o que há de mais conservador e retrógrado na sociedade brasileira: um ódio de classe, antigo e anacrônico, muito semelhante ao do fascismo”, diz a nota.
 
De acordo com os movimentos sociais e demais signatários da nota conjunta, o grupo de pessoas é o mesmo que “tem impulsionado manifestações golpistas em Fortaleza no intuito de interromper o mandato da presidenta Dilma Rousseff, desrespeitando o voto popular e rompendo com a legalidade democrática no país”.
 
 
“Temos convicção de que a agressão sofrida pelo companheiro Stédile, não se limita a um ataque individual, ou somente ao MST. Esta agressão só pode ser compreendida como parte de uma ofensiva conservadora da direita na sociedade que busca criminalizar e intimidar todos/as aqueles/as que lutam por um Brasil justo e soberano”, defenderam.
 
O líder do PT no Senado, Hemberto Costa (PE), além de integrar a lista de assinaturas, também aproveitou a tribuna do Plenário para defender Stédile. “Quero registrar aqui o meu repúdio a uma agressão da qual foi vítima o dirigente nacional do MST”, afirmou. “Esse clima é patrocinado por muitos desses que, em nome de uma pseudodemocracia, agridem pessoas em espaços públicos. Mas, na verdade, precisam ter um basta”, defendeu.
 
Para Costa, o grupo são pessoas da base da ditadura militar que perderam espaço e “filhotes e herdeiros” daquele período que não aceitam a democracia. “Eles não representam o povo cearense, que é acolhedor e ordeiro, como o povo brasileiro”, disse.
 
https://www.youtube.com/watch?v=TCZfsk2pI2o width:700 height:394
 
Leia a Nota de Solidariedade na íntegra:
 

Leia também:  João Pedro Stédile é o entrevistado da live das 15h, nesta quinta (6/8)

O conjunto de movimentos sindicais, populares, pastorais sociais, parlamentares progressistas e intelectuais comprometidos com a luta do povo brasileiro, vem por meio desta nota prestar solidariedade ao companheiro João Pedro Stédile, histórico militante das lutas sociais do Brasil e da América Latina.

Na noite do dia 22 de setembro, uma claque com aproximadamente 30 reacionários bradando gritos de ódio e diversos xingamentos atacou e agrediu o companheiro Stédile, que acabava de chegar no Aeroporto Pinto Martins, em Fortaleza – Ceará, convidado por diversas entidades para participar de um Congresso Sindical e de uma atividade sobre Reforma Política e combate à Corrupção.

A ação comandada pelo empresário do ramo imobiliário Paulo Angelim, militante do Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB, revela o que há de mais conservador e retrógrado na sociedade brasileira: um ódio de classe, antigo e anacrônico, muito semelhante ao do fascismo.

Não à toa, o grupo de reacionários que realizou esta ação é o mesmo bando que tem impulsionado manifestações golpistas em Fortaleza no intuito de interromper o mandato da presidenta Dilma Rousseff, desrespeitando o voto popular e rompendo com a legalidade democrática no país.

Estes reacionários utilizam-se dos símbolos nacionais e se dizem patriotas, mas são favoráveis a venda dos nossos recursos naturais às empresas estrangeiras, como no caso da Petrobrás. Se dizem contra a corrupção mas são assíduos defensores do financiamento empresarial de campanhas eleitorais e ainda hoje lastimam a decisão do STF.

Temos convicção de que a agressão sofrida pelo companheiro Stédile, não se limita a um ataque individual, ou somente ao MST. Esta agressão só pode ser compreendida como parte de uma ofensiva conservadora da direita na sociedade que busca criminalizar e intimidar todos/as aqueles/as que lutam por um Brasil justo e soberano.

Neste sentido, prestamos solidariedade ao companheiro e nos comprometemos a cerrar fileiras na defesa da democracia, da justiça social e da participação popular nos rumos da nação.

Fortaleza, 23 de setembro de 2015.

Centra Única dos Trabalhadores – CUT

Central dos Trabalhadores do Brasil – CTB

União Nacional dos Estudantes – UNE

União Brasileira dos Estudantes Secundaristas – UBES

Movimento dos Atingidos por Barragens – MAB

Rede Nacional de Advogados Populares – RENAP

Rede Nacional de Médicas e Médicos Populares

Marcha Mundial das Mulheres – MMM

União Brasileira das Mulheres – UBM

Movimento Organizado dos Trabalhadores Urbanos – MOTU

Levante Popular da Juventude

União da Juventude Socialista – UJS

Rua – Juventude Anticapitalista

Coletivo O Estopim

Movimento Kizomba

Partido Comunista do Brasil – PCdoB

Partido dos Trabalhadores – PT

Partido Socialismo e Liberdade

Consulta Popular

Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos em Luta pela Paz – CEBRAPAZ

Fora do Eixo

Mídia Ninja

Movimento Democracia Participativa

Agência de Informações Frei Tito para América Latina – ADITAL.

Sindicato APEOC

Sindicato dos Metalúrgicos do Estado do Ceará – SINDMETAL

Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público Federal do Ceará – SINTSEF-CE

Sindicato dos Empregados no Comércio de Fortaleza

Diretório Central dos Estudantes – UECE

Diretório Central dos Estudantes – UNIFOR

Deputado Federal José Guimarães

Deputado Estadual Elmano Freitas

Deputado Estadual Moisés Bráz

Deputada Estadual Rachel Marques

Deputado Estadual Renato Roseno

Vereador João Alfredo

Vereador Jovanil

Vereador Ronivaldo Maia

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

23 comentários

  1. Alguma dúvida que vivemos uma

    Alguma dúvida que vivemos uma luta de classes? Casa grande contra Senzala? Covardes! Se o Stédile tivesse cheagado por uma rodoviária, tenho certeza que os coxinhas (sim, eles estão em todos os lugares!) não teriam feito isso!

    • E Stedile é senzala? Com cara

      E Stedile é senzala? Com cara e nome de italiano do norte da Italia, das regiões mais sofisticadas,  jamais estaria numa senzala, é italiano da Alta, como se diz em Milão, provavelmente é de origem vêneta como a maioria dos italianos do Rio Grande.

        • E o sr. sabia

          que ele é economista tb ? O sr. sabe ou, por acaso, assim como quem não quer nada, quantas viagens sua excia o ex governador de Minas fez p/ o Rio ? Isto não vem ao caso, né ? Ele é Di menor.

      • André, André !

        O Lula é senzala, não é ?  retirante, nordestino , criado s/ pai. A Dilma não é, pq é filha de Europeus e estudou em escola particular, né? O sobrenome do Stédille é de gente fina oriunda do norte da Itália. O Papa é Argentino e muito culto. O que une todos eles ?

        Acho que não é só a Dilma que está c/ parafusos soltos , tem muito mais pessoas.

      • André, André !

        O Lula é senzala, não é ?  retirante, nordestino , criado s/ pai. A Dilma não é, pq é filha de Europeus e estudou em escola particular, né? O sobrenome do Stédille é de gente fina oriunda do norte da Itália. O Papa é Argentino e muito culto. O que une todos eles ?

        Acho que não é só a Dilma que está c/ parafusos soltos , tem muito mais pessoas.

  2. Caro Nassif e demais
    Para

    Caro Nassif e demais

    Para aquele grupo que vive dizendo que Marx morreu, não existe, cada vez mais ele vive, pelo mesmo grupo que prega a sua não existência.

    Minha solidariedade ao Stédile, e todo meu repúdio para esses senhores e senhoras das masmorras medieval, que se dizem Casa Grande.

    Saudações

     

    • Explica ai como funcionaria

      Explica ai como funcionaria na prática o “De cada qual, segundo sua capacidade; a cada qual, segundo suas necessidades”. Sem que todos se transformem ao tempo em necessitados permanentes..

  3. MST falando em agresão fica a

    MST falando em agresão fica a sensação de que a cara de pau não tem limites.

    Sabe o que os assusta é a reação, quando falavam sozinhos na camarilha era tudo uma maravilha.

    Agora uma timida reação já estão em pânico.

     

  4. Pau que bate em Chico também

    Pau que bate em Chico também bate em Francisco 

    Quando ele xinga e paralisa estrada ou invade locais públicos, ninguém pode falar nada

    Quando ele recebe oposição,  dado que seu discurso e pro governo e vive o sujeito de dinheiro público,  aí ele é coitadinho

  5. Os intolerantes fascistas

    Outro dia fui xingada no YT porque comentara positivamente uma entrevista da comunista Clara Sharf. Eh impressionante a violência usada para discordar. Impressiona também como os homens logo descabam para uma agressão chula e machista com as mulheres. Acho que esta na hora de nos mulheres fazermos uma campanha nos diversos canais da internet nos posicionando contra qualquer comportamento ou achaque machista ou sexista.  

    Se me lembro bem, em Curitiba, durante a campanha, um jovem morreu porque fazia campanha para o PT… 

    • Comunistas e nazistas são da

      Comunistas e nazistas são da mesma laia por isso o repúdio e a condenação pública.

  6. O psdb  paga seus militantes

    O psdb  paga seus militantes para persseguirem qualquer ser que represente a esquerda. Eles atiram bombas, querem proibir o direito de ir e vir, o direito à verdade, mas acusam as esquerdas de violência. São sem noção, zumbis dominados pela corrupta e velhaca imprensa tupinica. Chega dar vergonha alheia quando a gente percebe onde pode chegar a sabujice de quem prefere ser tapete.

  7. Patético, cômico senão fosse

    Patético, cômico senão fosse trágico. Enquanto o Papa, Obama e Cuba se entendem para acabar com o entulho da guerra-fria, esse bando de idiotas parecem vindos através do tunel do tempo da marcha da famíla pela propriedade e etc. Inacreditável usarem ainda o termo comunista como xingamento, nem ao menos atualizam para “bolivariano”.

    Mas é como disseram outros, luta de classe na veia. Direita x esquerda, que para os coxinhas não existe. Está aí devidamente registrado e já no Youtube. O PSDB virou isso aí. É por isso que o Bresser pulou fora. E Covas e Montoro devem estar se revirando no túmulo. Se bobear vão puxar o pé do FHC na cama à noite

    Outro responsável direito por esse espetáculo constrangedor é o pig, claro. Mas será que esses coxinhas sustentam o caixa dos barões? Não, por isso querem o golpe. 

    Só quero ver quando o outro lado começar a reagir. Esses manés não poderão pedir pela mãe, ou seja, As Forças Armadas, que não querem se meter nessa roubada. Qualquer dessas senhoras ou barrigudos que se machucarem seriamente será de responsabildade exclusiva do PSDB e do pig 

  8. Stedile deve, doravamente, em

    Stedile deve, doravamente, em suas viagens, sempre articular uma recepção por parte de membros do partido. Quero ver esses coxinhas terem coragem de fazer aquilo se tivessem que enfrentar um batalhão de trabalhadores. Como diz o Pomar: não adianta combater canhões com flores. 

  9. É engraçado que quando a

    É engraçado que quando a blogueira cubana foi hostilizada, o pessoal da esquerda achar normal. O MST invade fazendas, mata animais para fazer churrascos e destrói propriedade alheia, mas basta o seu líder, que responde a vários processos, tomar uma vaia, e vocês ficam com todo esse chororô.

  10. O “lider” por quarenta anos

    O “lider” por quarenta anos liderou invasão de fazendas, destruição de sedes, matança e sumiço de gado, destruiu laboratorios de pesquisa avançada (da Cutrale da Suzano), ocupou por dias e noites predio publicos depois de quebrar portarias e agora se abespinha porque foi xingado? É parte do risco de ser uma personalidade publica, a Margaret Thatcher foi xingadissima, politicos pelo undo afora foram xingados, Gandhi foi agredido e assassinado, quantos homens publicos já não foram vaiados? Stedile ao que consta não foi agredido fisicamente, a agressão foi verbal, então MENAS.

  11. É só fazer o que fez o

    É só fazer o que fez o Mantega. Processa e quando ganhar os ” corajosos”  perdedores rapidamente pedirão perdão para não terem que pagar a multa. São um bbando de covardes.

  12. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome