Baiano e sua Poesia Especulondrífica, por Luciano Hortencio

Trago-a aqui como curiosidade e na esperança que ouvidos mais jovens e mais aguçados que os meus consigam decifrar esse ESPECULONDRÍFICO.

Baiano e sua Poesia Especulondrífica, por Luciano Hortencio

Nesses anos que o Criador gentilmente vem concedendo a esse Cabeça Chata, já li e ouvi vários tipos de poesia.

Lembro aqui da lírica, dramática, épica, concreta, abstrata, etc e tal. Só nunca havia sequer ouvido falar da poesia especulondrífica.

Encontrei-a no Arquivo Nirez, registrada pelo cantor Manuel Pedro dos Santos, o popular Baiano, citado no disco como Baiano de guerra…

Por mais que tenha tentado não consegui transcrevê-la na íntegra. Minha oiças já não são as mesmas ou a danada é difícil mesmo de ser decifrada.

Trago-a aqui como curiosidade e na esperança que ouvidos mais jovens e mais aguçados que os meus consigam decifrar esse ESPECULONDRÍFICO.

Coisas que o tempo levou.

 

Bahiano – ESPECULONDRÍFICO (Poesia Especulondrífica).
Disco Zon-O-Phone 1.535.
Ano de 1902.
Arquivo Nirez.
Coisas que o tempo levou.
luciano hortencio.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Festival de Choro homenageia Luiz Gonzaga, em São Carlos