Trivial do Brasil de João, Caetano, Gil e Bethania

Assisti esse show na velha TV Tupi, na gravação de um programa produzido por Fernando Faro. Fui na condição de repórter. Havia um repertório mais amplo, inclusive alguns clássico de Lupicínio Rodrigues.

Chamava atenção o respeito reverencial de Gil e Caetano por João Gilberto. Logo eles, que surgiram como um furacão iconoclasta na música brasileira. A afinidade entre os quatro, a maneira como João Gilberto ensaioiu as divisões em “Disse alguém”, que certamente foi buscar nos conjuntos vocais dos anos 40, e um profundo sentimento de Brasil produziam um clima de amplo encantamento.

 

Estava-se em pleno regime militar, a censura correndo solta e as artes perdendo o rumo em mil complicações escapistas, música concreta, poesia concreta, peças cerebrinas de pouco cérebro. E, ali, quatro músicos rescendendo a Brasil, celebrando o Brasil como quem celebra um culto.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

4 comentários

  1. E as imagens desse programa?
    E as imagens desse programa? Se perderam no incêndio? Faro merecia uma seção própria no MIS, se é que já não tem. Um museu pra música brasileira em cada capital – será por acaso que Salvador na Bahia já tenha um? – seria uma ideia, uma necessidade pra educar as crianças sobre um dos maiores patrimônio culturais do país, pros que queiram conhecer seu manancial ou apenas dele fruir e se realimentar. E sem participação dos Marinhos, se não for pedir demais.

    21:22

  2. Brasil

    O Nelson Mota tinha um programa, acho que chamava Mocidade Independente, que abria com música do Lulu Santos. O primeiro programa foi com Arrigo Barnabé, o segundo com Itamar Assumpção e o terceiro com Caetano. Ele tentou puxar o assunto desse disco, mas Caetano desconversou. Meses depois saiu essa obra prima. Parece que o João não gostou do resultado, eu nunca entendi por que razão. O disco é lindo!

  3. Álbum maravilhoso,

    Álbum maravilhoso, no qual se confirma que, entre suas centenas de filhos e filhas musicais, João Gilberto tem em Gil e Caetano os mais diletos pimpolhos. Segue aí o curta de Rogério Sganzerla, sobre a gravação do disco Brasil e sobre o Brasil. A qualidade  de imagem não é lá essas coisas, mas é que tá tendo.

    [video:https://www.youtube.com/watch?v=x1Lgm2YBWYM%5D

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome