Anvisa decide os rumos da pandemia no país no próximo domingo

Diretoria Colegiada irá realizar para autorizar ou não o uso emergencial das vacinas contra a Covid-19 desenvolvidas pelo Instituto Butantan e pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

Foto: AFP

Jornal GGN – A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) anunciou nesta terça-feira, 12, que sua Diretoria Colegiada irá realizar reunião no próximo domingo para autorizar ou não o uso emergencial das vacinas contra a Covid-19, a partir dos pedidos feitos na última sexta-feira.

A reguladora tem até a próxima segunda-feira para dar uma resposta à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), parceira da britânica AstraZeneca no Brasil para a produção da vacina de Oxford; e ao Instituto Butantan, responsável pelo imunizante desenvolvido pela farmacêutica chinesa Sinovac, a Coronavac.

Se a autorização de uso emergencial for liberada, os imunizantes serão liberados para serem aplicados nos grupos de risco da doença. Mas, para que a campanha de imunização em massa ocorra, as vacinas ainda precisam do registro definitivo, ainda sem solicitação.

Ontem, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, não garantiu quando se dará o início da vacinação nacional. Segundo ele, “a vacina começará no dia D, na hora H”, afirmou durante discurso em Manaus.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A queda do mito americano, por Thomas Piketty

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome