Camarotes invadem espaços públicos no Carnaval de Salvador e as gralhas gritam “25 na cabeça”

 

 

 

Por Zeca Peixoto

Jornalista, mestre em História Social, pesquisador de História da mídia e blogueiro: Textos ao Vento

O Carnaval se avizinha e, seguramente e mais do que nunca, os espaços públicos dos circuitos serão tomados pelos camarotes para serem ocupados pelos seus diversos reis – bom lembrar que um desses tem o nome de “Camarote do Reino”. As obras na Barra estão a passos acelerados para que tudo esteja lindo de se ver e empolgar a coxinhagem da Soterópolis. Agora é a hora do momento-paradoxo. Há quase dois anos muitos estavam à frente de um desses espaços públicos ocupado pela iniciativa privada “protestando” contra o empreendimento de “Duquinho”, o primo do prefeito. Só que na eleição seguinte vários desses “ativistas” converteram-se em gralhas gritando “25 na cabeça”. Entre eles uma diretora de teatro “muderninha”. Bom, faço a pergunta: o que sobrou do tal movimento ‪#‎Desocupa‬? Parece que nada. Era tudo pôse.

Fotos exclusivas do Carnaval de Salvador 2013 por Sídio Júnior

 

 

 

 

 

 

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Manchetes dos jornais dos EUA

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome