Youtuber bolsonarista Oswaldo Eustáquio é preso na fronteira com Paraguai

Segundo informações preliminares, as autoridades suspeitavam que ele poderia fugir do Brasil porque estava na fronteira com o Paraguai

Jornal GGN – A Polícia Federal prendeu nesta sexta (26) o jornalista e youtuber bolsonarista Oswaldo Eustáquio, que tem um canal com 313 mil inscritos. Segundo informações da CNN Brasil, ele é investigado por receber “verbas indevidas” através do canal. O mandado de prisão temporária foi expedido pelo jornalista Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal.

O youtuber estava em Campo Grande, no Mato Grosso do Sul. Segundo informações preliminares, as autoridades suspeitavam que ele poderia fugir do Brasil porque estava na fronteira com o Paraguai.

Em transmissão ao vivo no canal, após a prisão, um dos aliados de Eustáquio disse que é fake news que ele fugiria do País. O jornalista supostamente estaria de passagem por Mato Grosso para “visitar familiares”.

No Twitter, porém, Eustáquio afirmou outra coisa. Ele admitiu que estava no Paraguai fazendo uma “apuração” sobre a situação do coronavírus no País. “Estou aqui. E o que vejo é o comércio aberto, povo sem máscara e postos de saúdes vazios”, afirmou na rede social.

Segundo informações do UOL, a esposa de Eustáquio trabalha no governo Bolsonaro. “Meses atrás, Eustáquio se apresentou à reportagem do UOL e a uma outra pessoa em Brasília como ex-assessor da ministra dos Direitos Humanos, Damares Alves. A assessoria do ministério diz que o blogueiro não trabalhou na pasta. A reportagem perguntou se Eustáquio trabalhou, ainda que informalmente, para a ministra e para o ministério. Mas não houve resposta até o momento.”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

3 comentários

  1. 1. Ministro Alexandre de Moraes, e não “jornalista”; 2. Campo Grande fica a 324 km de distância da fronteira mais próxima com o Paraguai, que é Ponta Porã.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome