Revista GGN

Assine

O bloqueio às redes sociais na Venezuela

Sugerido por Gunter Zibell - SP

Da Folha

 
SYLVIA COLOMBO
ENVIADA ESPECIAL A CARACAS
 
As redes sociais parecem ser a última fronteira da batalha do governo venezuelano contra os meios de comunicação independentes.
 
Depois de expropriar TVs e afogar economicamente os principais jornais (há mais de 20 sob ameaça de fechamento por falta de dólares para importar insumos), o governo, por meio do provedor CANTV, adotou a estratégia de derrubar temporariamente as páginas do Facebook e do Twitter, além de aplicativos de trocas de mensagens.
 
O presidente Nicolás Maduro já demonstrou que o assunto é prioridade ao instituir, em janeiro, o vice-ministério de Redes Sociais, subordinado ao Ministério da Comunicação e Informação.
 
"Estamos driblando o problema nos conectando a provedores de fora da Venezuela", disse o estudante de informática Jorge (ele não quis revelar o sobrenome), 20, presente nas recentes manifestações antichavistas em Caracas.
 
"Há várias formas de burlar esses bloqueios, e, se derrubam um aplicativo, amanhã outros dez aparecerão. É uma batalha perdida para eles se quiserem realmente combater vozes opositoras por essa via", acrescentou.
 
As redes sociais são o principal meio de divulgação e comunicação dos participantes das marchas contra o governo de Nicolás Maduro, que começaram há duas semanas e já deixaram oito mortos.
 
O mais novo alvo do assédio do governo é o aplicativo Zello, muito popular na Venezuela. Trata-se de uma espécie de "walkie talkie", específico para smartphones, que permite enviar uma mensagem de voz a uma pessoa ou a um grupo de pessoas.
 
Estudantes venezuelanos usam o aplicativo para convocar manifestações e falar sobre sua movimentação.
 
O diretor geral do Zello, Bill Moore, disse à agência Associated Press que o aplicativo teria sido bloqueado na Venezuela pelo provedor CANTV, empresa estatizada por Hugo Chávez em 2007.
 
Preocupado com seus milhares de usuários no país, Moore disse que a companhia desenvolve atualizações que permitam furar o bloqueio.
 
A reclamação foi tanta que a CANTV emitiu um comunicado oficial, desmentindo "enfática e categoricamente que esteja envolvida na falha reportada por usuários".
 
Os jornalistas que cobrem os protestos na Venezuela têm tido dificuldade em usar o Twitter. A reportagem da Folha experimentou quedas da página na última semana.

 

Média: 2.2 (13 votos)
19 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

O Mundo Sem Internet

Não seria nada mal

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Grato, Spin F

Os coxinhas conseguirão derrubar Maduro?

Pelo menos os estudante não querem o golpe, pelo contrário, querem é negociar, apenas o 1% da população continua apostando no caos para derrubar Maduro. Com a palavra o insuspeito Gilberto Maringoni, da Folha:

"Há condições de um golpe de Estado hoje? Pouco provável. Daí a necessidade de se criar artificialmente a pauta do caos e propagar aos quatro ventos que há um governo ilegítimo, cuja única saída é reprimir seu próprio povo. A fala de Obama, nesta semana, condenando o governo venezuelano, insiste nessa tecla"

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Grato, Spin F

Sei que o texto não é seu

Sei que o texto não é seu Gunter, é da Folha. Mas qual a novidade em mais uma matéria do pig "provando" que o chavismo, de resto o "bolivairanismo continental", é totalitário?

Agora sobre o fato da emissora que perdeu a concessão ter participado objetivamente da tentativa de golpe em 2002, claro que não falam.

Não gostava do personalismo do Chávez, que inclusive considero uma das razões das dificuldades que Maduro enfrenta. Mas a verdade é que a Venezuela no chavismo é mais democrático que os EUA a partir de Bush, com seu ato patriótico.

No momento o que vemos é um líder da oposição radical tentando desestabilizar um governo, forçando sua saída. Alias o "movimento" se chama exatamente esse, "a saída". Até o Capriles não embarcou nessa, pois considera que terá chances na próxima eleição. E terá mesmo.

Diante disso, é natural que o governo se proteja. Nas redes sociais também.

PS: O fato do Maduro ter dado declarações homofóbicas não quer dizer necessariamente que seu governo é autoriatário. Se eles começar a perseguir gays como na Rússia, aí sim.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Juliano Santos

Uai, a novidade

é que o processo está se agravando, né?

Aprofundamento das restrições a jornais, a emissoras estrangeiras e a redes sociais são uma informação nova, não?

E vai ver por isso mesmo o blog considerou para post. Como sempre, apenas sugeri o link no clipping.

Sugeri também este:

http://www.cartacapital.com.br/internacional/a-venezuela-para-alem-das-t...

Já são 13 falecidos em confrontos de rua na Venezuela, isso precisaria ser melhor analisado, fora do nível 'torcida'.

E já há quem suspeite que Maduro talvez não queira respeitar a legislação de 'recall'. A ver. Serão dois anos de muita contra-informação pelos dois lados.

x-x-x-x-x-x-x-x

Não tem a ver com dificultar circulação de informações nem com possibilidades de alternância no poder, mas um presidente fazer declarações homofóbicas, como você lembrou, é meio tosco pro século XXI, não?

Não é algo bom pra se fazer quando se enfrenta uma crise econômica e de popularidade. Aliás, não é bom fazer NUNCA, pois declarações homofóbicas são sim uma forma de perseguição, apenas não é física, mas ajuda a perpetuar preconceitos e a prejudicar a autoestima de todo um grupo.

Menos mal que faz tempo ele não solta nenhuma pérola dessas para desqualificar a oposição.

E bem menos pior que Putin ou presidente de Uganda, claro.

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"Se você pode sonhar, você pode fazer" - Walt Disney

…de...

... mãozinha dadas com o seu Disney, assim caminha o tal de movimento gay... sempre pela direita, claro.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Flics

Não agregou nada à discussão

sempre com discurso vazio, claro.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"Se você pode sonhar, você pode fazer" - Walt Disney

imagem de Gão
Gão

Do que são capazes os golpistas na Venezuela

Mais um Santiago morto, dessa vez na venezuela, assassinos à solta lá e cá.

 

    

 

Ex-general acusado de incitar violência na Venezuela se tranca armado em casaÁngel Vivas sugeriu por meio de sua conta no Twitter que manifestantes pusessem arame farpado nas barricadas http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/34107/ex-general+acusado+de+incitar+violencia+na+venezuela+se+tranca+armado+em+casa.shtml?utm_source=dlvr.it&utm_medium=twitter   

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Minha TL do twitter está

Minha TL do twitter está lotada de comentários de venezuelanos pró e contra o Governo todos os dias. Estou até dando block em vários.

Todas as emissoras de tvs privadas da Venezuela são anti-Chavistas/Maduro. Todas.

Os jornais brasileiros também estão "sufocados financeiramente" , mesmo com a ENORME ajuda dos governos estaduais do PSDB e da generosíssima e absurda verba publicitária que ainda tem do Governo Federal...

O governo venezuelano só tem a emissora pública que basicamente fica 24 horas por dia respondendo aos ataques desta mídia (e da internacional como vimos nas manipulações de fotos absurdas que estavam sendo veículadas pela CNNe).

A reportagem postada é da Folha. Isso já explica muita coisa.

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Gão
Gão

Revelaron supuestos contactos de Leopoldo López con Estados Unid

Revelaron supuestos contactos de Leopoldo López con Estados Unidos

El dirigente opositor venezolano Leopoldo López es mencionado al menos 77 veces en cables diplomáticos de Estados Unidos filtrados por Wikileaks, afirmó la prensa oficial de Venezuela.

 ampliar


"Muchos de los cables se centran en las disputas internas dentro de la oposición, con López a menudo en conflicto con los demás, tanto dentro de su partido como con otros miembros de la oposición", publicó el diario oficial Correo del Orinoco.

El periódico reseñó tres de los "cables filtrados", todos de 2008, que, a su juicio, "revelan el gran interés de Estados Unidos por el papel que López está desempeñando en Venezuela".

En el primero, del 28 de marzo, "el cable informa de una reunión entre entre el senador EE.UU. Ron Wyden y López, señalando que `el senador y su equipo discutieron posibles estrategias de medios con López y métodos para trasladar de manera eficiente su mensaje al público en EE.UU.`"

En el segundo, del 11 de abril, "la embajada de EE.UU. se reunió con una asesora legal de López, quien expuso su estrategia legal para evitar que impidan el acceso al poder (de López)".

"Ella señaló que `cree que hacer a López víctima de las maquinaciones de la RBV (República Bolivariana de Venezuela) está haciendo que su popularidad aumente`", agregó el diario.

Finalmente, en el tercero, del 17 de julio, "EE.UU. coincide con el análisis de la asesora legal (de López), escribiendo: `Curiosamente, las descalificaciones parecen estar convirtiendo a Leopoldo López en una figura de la oposición a nivel nacional, en lugar de sólo una estrella en ascenso en Caracas`".

http://www.telam.com.ar/notas/201402/53072-revelaron-supuestos-contactos...

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Como defender a democracia frente ao expansionismo ianque?

Veja como a direita reacionária mostra os dentes através das redes sociais...,,..que horror, as redes sociais a serviço do banditismo,,como salvar a democracia desse estado patológico que se nos apresenta em prol dos interesses do expansionismo americano e suas ações que beiram o bandidismo digital?A Venezuela e a força das redes socias, no Blog Limpinho e Cheiroso,  via Jornalismo Wando

“6 mil guerrilheiros cubanos chegaram no Brasil
disfarçados de médicos!”

“Somente em uma ponte em Cuba foram gastos 3 bilhões.
Tudo pago pelos brasileiros!”

Essas informações estão espalhadas pelas redes sociais e foram confirmadas por Maycon Freitas, um dos líderes das revoltas de junho, em entrevista a este blog. Munido da credibilidade adquirida durante a “Primavera Brasileira”, Maycon tem muito a oferecer para os manifestantes venezuelanos. Foi a partir de suas postagens no Facebook que passei a prestar atenção nos últimos acontecimentos.

Maycon está preocupadíssimo com nossos vizinhos e tem compartilhado freneticamente qualquer notícia sobre aquele país. Além de publicar um tuíte falso em que Michele Bachelet repreende Maduro, o revolucionário da Veja também anunciou a importação de 100 mil policiais comunistas chineses que viriam pra defender a ditadura venezuelana. Mas a luta do guerreiro não para aí. Maycon repercute também uma grave denúncia contra o PT e a imprensa brasileira:

PT paga 10 bilhões para canais de televisão não divulgarem genocídio na Venezuela

Ou seja, depois de torrar 3 bilhões numa ponte cravejada de ouros e diamantes em Cuba, Dilma agora comprou toda a mídia para defender o regime bolivariano e abafar a matança de Maduro.

“Mas, pera lá! GENOCÍDIO, Wando? A informação oficial é de que apenas 3 pessoas morreram e 23 ficaram feridas!”

Bom, mas isso é para quem se informa por meio de uma mídia que se vendeu ao abominável foro de São Paulo. A verdade é outra. Informações que chegam diretamente da Venezuela pela internet confirmam que mais de 3 mil pessoas foram assassinadas desde o início das manifestações. Graças ao poder das redes sociais, não dependemos mais da grande mídia pra espalhar nossas próprias mentiras divulgar a verdade dos fatos.

A força da internet é tão grande que muitas vezes acaba rompendo com o silêncio na imprensa. César Filho, ex-namorado de Angélica e atual jornalista do SBT, furou o bloqueio midiático internacional e colocou o tema genocídio venezuelano em pauta. Vejamos o tuíte que ele compartilhou com seu público:

Venezuela_Manifestacao23_Cesar_Filho_Tuite

Eu, com meu jornalismo-sapeca, atualizei o colega de trabalho com informações ainda mais fresquinhas e estapafúrdias. E não é que nosso garoto compartilhou?

Venezuela_Manifestacao24_Jornalismo_WandoAgora sim seus leitores estão atualizados. Graças à coragem, ao faro jornalístico e ao rigor apurativo desse experiente jornalista.

Se aqui a coisa está assim, imagine na Venezuela. Uma famosa atriz, Amanda Gutierrez, uma espécie de Regina Duarte venezuelana, também aderiu à força das redes sociais e divulgou a imagem de um jovem sendo violentamente estuprado pela ditadura de Maduro:

Venezuela_Manifestacao25

Sim, querida. Seu dever é compartilhar, claro. Pra que checar a informação antes de dividir com mais de 227 mil fãs preocupados com o futuro de um país em crise?

O único problema é que esses “estupros” já haviam sido registrados em um pornô norte-americano há muitos anos:

Venezuela_Manifestacao26

Essas coisas acontecem, querida! Uma atriz não é obrigada a checar informações. Podia ser pior. Imagine se você fosse uma jornalista do SBT!

As possibilidades de se viralizar uma notícia – qualquer notícia! – são infinitas e isso é o que torna as redes sociais ainda mais sedutoras e poderosas. Basta fazer uma montagem bacaninha e enviar para pessoas-chave como César Filho e Amanda Gutierrez e pronto! Quem vai duvidar de mentiras tão bem acabadas como essas? Uma mentira contada por porta-vozes fofos vale mais do que mil verdades.

Mas essa é uma pequena amostra do que essa fantástica fábrica de verdades é capaz de produzir. As montagens e as farsas são tantas que os mais crédulos já estão equiparando Maduro a Hitler.

Esse vale-tudo promovido pela oposição venezuelana tem atropelado o mundo como uma avalanche. Tanto que internautas brasileiros já falam tranquilamente sobre os estupros e genocídio na Venezuela. Vale até bater na mãe, tirar foto e divulgar como mais uma ação violenta do regime bolivariano. O importante é postar, curtir e compartilhar.

Algumas montagens são tão estapafúrdias que fazem a imagem do “estupro” parecer coisa de profissional. Esse site de notícias não pensou duas vezes antes de publicar mais essa arbitrariedade do governo venezuelano:

Venezuela_Manifestacao06

Caracas! Que frio que faz por lá! Esses violentos policiais da guarda bolivariana são tão insensíveis que, além do povo, ignoram também o calor venezuelano.

Mas o jornalismo tradicional e as redes sociais muitas vezes se confundem e se comportam de forma parecida. A CNN, cujo silêncio ainda não foi comprado por Dilma, entrou de cabeça na onda acusatória. Vejamos a foto que ela divulgou:

Venezuela_Manifestacao18

Calma, CNN. É só uma foto antiga de Singapura, e não da Venezuela. Mas, tudo bem. Essa coisa de repassar informação sem checar acontece com todos, até mesmo com jornalistas do SBT!

Checar, apurar, criticar são verbos que já não combinam com o dinamismo do mundo atual. Não importa se você é jornalista conhecido, atriz popular, twitteiro ou comentarista de portal. O negócio é clicar, curtir, postar e compartilhar. Mesmo que seja uma mentira escabrosa capaz de comover o mundo e influenciar decisões políticas importantes.

#AcuerdaVenezuela #REPASSEM

PS.: Pra ilustrar esse bom momento da família#SouReaçaMasTôNaModa nas redes sociais, decidi criar um tumblr recheado com cenas reais da Venezuela: o #AcuerdaVenezuela. Nele reunimos todas as informações sonegadas pela mídia corporativa.

http://limpinhoecheiroso.com/2014/02/24/a-venezuela-e-a-forca-das-redes-sociais

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Grato, Spin F

Em breve leremos os defensores da democracia democrática...

...defendendo a truculência do gorila de Caracas, um autêntico membro da fauna fardada latino-americana, embora oficialmente ele não seja militar. Mais um para se juntar ao hall da fama onde estão os castros, os pinochets, os médicis, os videlas e muitos outros.

 

Seu voto: Nenhum (21 votos)

Tem certeza? Já fez a lição

Tem certeza? Já fez a lição de casa sobre a história?

Seu voto: Nenhum (14 votos)

Vera Lucia Venturini

História é uma coisa...

...a análise dos marxistas é outra... e elas dificilmente concordam entre si.

Ou para você Fidel e Raul não são dois gorilões carnívoros fardados? E nem o Maduro é fiel discípulo do verdugo e do carrasco?

 

Seu voto: Nenhum (17 votos)
imagem de Álvaro Noites
Álvaro Noites

Pinochet e Médici foram

Pinochet e Médici foram eleitos?

Seu voto: Nenhum (11 votos)

Hitler...

...foi nomeado chanceler obedecendo aos ritos eleitorais alemães...

Seu voto: Nenhum (14 votos)

Hitler jogava no seu time.

Hitler jogava no seu time. Nao se esqueca disso.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

DeBarros

Impossível...

...não sou socialista... e Hitler o era.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Conta outra, que essa nao tem

Conta outra, que essa nao tem graca.

Hitler era da extrema-direita roxa, assim como seu amigo Mussolini. Aquela que poe a saude da relacao corporacoes-estado acima de tudo, inclusive da integridade dos seus cidadaos.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

DeBarros

imagem de Paulo Andrade de Sousa
Paulo Andrade de Sousa

A democracia de Hitler

realmente Hitler era um "democrata" e sempre tinha referendum e eleições por lá, é cada uma que dá uma tristeza danada na gente

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.