Entendendo denúncia à Comissão de Direitos Humanos da OEA para anular o golpe, por Romulus

Entendendo a denúncia dos deputados brasileiros à Comissão de Direitos Humanos da OEA para anular o golpe de Temer e Cunha

Por Romulus

Amigos, vamos entender para não criarmos expectativas equivocadas:

– Essa iniciativa é louvável e necessária – parabéns aos deputados envolvidos, que honram a sua base e a lei!

(Veja o que falo de Paulo Pimenta em particular)

Tem muito valor, como explico a seguir.

Como tudo na vida, há um lado “ruim” – não exatamente ruim… está mais para algo que rebaixa um pouco as expectativas – mas também um lado bom – bom não… excelente na verdade!

*   *   *

Lado “ruim”:

– Infelizmente, a chance de impedir a votação no Senado é próxima de zero. Ou seja: a farsa que vimos ontem vai continuar.

– O Brasil já contrariou o sistema interamericano, inclusive sentença da Corte (STF no caso da lei da Anistia, p.e.). Ou seja, na fase final do processo. A fase da Comissão, a que os deputados recorreram, é anterior à da Corte.

– Pior: o Brasil já tem precedente de ignorar pedidos de suspensão dessa mesma Comissão, como o que é ora requerido.

Lembram?

Foi a própria Dilma com o pedido de suspensão da construção de Belo Monte. O Brasil, inclusive, retaliou a OEA atrasando valores devidos à instituição

Atenção:

Não entro aqui no mérito (i) nem de Belo Monte, (ii) nem da suspensão determinada pela Comissão da OEA, (iii) nem a decisão do governo brasileiro de ignora-la e, posteriormente, de retaliar a própria OEA.

Meu ponto é:

– Brasil, se quiser, descumpre. Tanto o que é determinado pela Comissão como pela Corte da OEA.

– De qualquer forma, a “punição” máxima em caso de violação – fora sanções diplomáticas no âmbito da própria OEA – é o pagamento de indenização pelo Estado à vitima.

Ou seja, o Brasil “daria um dinheirinho” a Dilma.

Nem ela nem nós queremos ou ficamos satisfeitos com isso, evidentemente.

*   *   *

Lado bom:

– Se tiverem sucesso – tomara!! – gera-se o enorme constrangimento político e diplomático para o golpe. Mais ainda do que aquele que já existe – vide a humilhante ausência de chefes de Estado na abertura das Olimpíadas

(Que comentei com muito deboche, como os golpistas merecem, em: “Fiasco do golpe nas Olimpíadas: sai G20, entra glorioso G12 na abertura!).

Leia também:  Avanço neoliberal faz fome atingir 42,5 milhões de pessoas na América Latina e Caribe

– Constrange-se ainda mais, inclusive, o governo dos EUA, que dão apoio velado ao golpe.

– Desse jeito, Temer vai continuar sem encontrar o vice americano, Joe Biden, “coitado”!

Quem sabe assim ele não escreve (e vaza!) outra cartinha reclamando que Dilma é “chata, feia e boba”?

– Tudo isso vale muito!

Por quê?

– Porque diminui ainda mais o cacife dos golpistas para fazerem “gracinhas” enquanto ocupam ilegalmente o governo.

– Inclusive na privatização (está mais para “semi-doação”…) dos ativos do Estado. Isso porque o reconhecimento de que houve um golpe no Brasil pela OEA reforça o argumento de que estamos submetidos a um governo de exceção, ilegítimo e que afronta a Constituição brasileira.

– O reconhecimento disso em nível internacional não é trivial!

*   *   *

Resultado:

– Pode ser arguido que tudo que esse governo de exceção fez e faz é nulo de pleno direito. Inclusive no plano internacional! Isso porque a Constituição faz parte da “ordem pública internacional” do país. Grosso modo, regras e valores fundamentais da sociedade brasileira a que o Estado está vinculado.

– E mais: a própria Convenção de Viena sobre o Direito dos Tratados, ratificada pelo Brasil, reconhece “erro fundamental quanto à competência para celebrar tratados” como causa de sua nulidade.

>> Traduzindo: se Temer celebrar um tratado, como ele é sabidamente um usurpador e chefia um regime de exceção – oxalá até com selo OEA de “golpista” agora! – esse tratado será nulo! <<

E as “jogadas financeiras” dos golpistas? Isso afeta em alguma coisa?

– Sim! Na dimensão da proteção internacional dos investimentos, um pronunciamento da OEA vale inclusive para reforçar a má-fé não apenas dos golpistas, mas também das empresas-abutre malandras que querem “comprar” ativos do Estado brasileiro na bacia das almas.

– Esses fundos e empresas-abutre terão de arcar, inclusive, com as perdas decorrentes da (semi) doação das empresas estatais e outros ativos do Estado. Do momento em que os tomarem até aquele em que sejam devolvidos ao Estado – o que fatalmente ocorrerá no dia em que o povo brasileiro retomar o Estado, com a inexorável volta da democracia.

Leia também:  INSS corta benefícios de 22 crianças com microcefalia em Pernambuco

Não duvidem: cedo ou tarde, esse dia glorioso chegará!

*   *   *

Mas e a “segurança jurídica”? A “santidade dos contratos”? Pacta sunt servanda? Todas “essas coisas” que os abutres usam para fazer valer suas malandragens? Não os protegem?

– Não! Esses abutres, acostumados, inclusive, a fazer negócios “tortos”, estão perfeitamente cientes de estarem tratando com um governo golpista, de exceção. Na verdade, aproveitam-se até da precariedade jurídica dos golpistas para depreciar – ainda mais! – os ativos em suas avaliações e oferecer menos ainda pelos mesmos.

Espertinhos, não?

Perdeu, playboy!

– Mesmo que não fossem malandros – e são! – não podem sequer alegar que “não tinham como saber que tratavam com golpistas… que não entendem de direito brasileiro… e que – hahaha! – agiram de boa-fé”.

Por quê?

– Porque o direito, inclusive o internacional, não protege nem quem age de má-fé, nem quem age com falta de diligência. Ou seja, quem não se esforça e não faz nem as avaliações – como uma boa auditoria – nem toma as precauções que deveria em seus negócios.

“Precauções”?!

Piada!

Esse pessoal age como bandoleiro no Velho Oeste, ora!

É assim que ganham a vida.

*   *   *

E, concluindo:

– Por tudo isso, mais uma vez, a iniciativa é louvável e necessária. Parabéns, de novo, aos deputados envolvidos.

O selo “É golpe sim! Fora, Temer!”, que eles pediram à OEA, serve para “cortar asinhas”. Tanto dos golpistas como dos abutres.

– Além de constituir, é claro, outra enorme vaia ao Grão-Mestre do Golpe – depois daquela inesquecível que tomou, sem nenhuma altivez, no Maracanã.

(Veja vídeo da TV suíça que escancarou toda a covardia e todos os artifícios de Temer para não ser vaiado)

– Melhor: agora a vaia vai ser também com sotaque! Vaia internacional e diplomática!

Très chic, né, Temer?

*   *   *

Bônus (oneroso): Dra. Flávia Piovesan

– Que ironia, não?

Como o mundo dá voltas…

– A Dra. Piovesan, (ex!) militante de direitos humanos e (outrora!) referência brasileira na disciplina, fazer parte de um governo que vai receber – pela primeira vez! – o selo “É golpe sim! Fora, Temer!” do sistema interamericano de direitos humanos.

Leia também:  “Se Otavio Frias estivesse vivo, ajudaria a derrubar o Bolsonaro”, diz Marilene Felinto

Sim, o mesmo sistema da OEA que ela tantas vezes ensinou em sala de aula…

– Terá ela esquecido o que sabia sobre o sistema interamericano de direitos humanos?

– Do mesmo jeito que esqueceu o que sabia sobre a Constituição brasileira para aderir ao golpe?

Imagino que não…

Inclusive, terá sido essa memória – tão inconveniente! – aquilo que passou pela sua cabeça enquanto era forçada a bater palmas públicas para Temer no Maracanã?

Terá sido isso que provocou, naquele momento, a cara “tão amarrada” e o “olhar de carinho” em direção ao seu chefe no golpe?

Bingo!!

*   *   *

Posts relacionados:

Fiasco do golpe nas Olimpíadas: sai G20, entra glorioso G12 na abertura!

Na belíssima abertura, sai o G20, grupo das maiores economias do mundo, e entra o G12, “glorioso” grupamento internacional de potências, chefiado pelas poderosas Ilhas Fiji! 

*

Temer: sem nome, sem chamada, sem imagem no telão e vaiado mesmo assim

Veja vídeo da TV suíça que não apenas registrou a vaia, como explicou que: 1) era esperada; 2) o nome de Temer não fora anunciado em momento algum – primeira vez em 120 anos; 3) sua imagem não foi exibida no telão enquanto falava (de forma a evitar que fosse reconhecido no estádio); e que 4) não obstante, tão logo as pessoas reconheceram a voz do homem (“homem”?) sem nome, sem chamada e sem imagem – voz que soou por “apenas alguns segundos”, como nota o narrador – começaram a vaia-lo fortemente.

*   *   *

(i) Acompanhe-me no Facebook:

Maya Vermelha, a Chihuahua socialista

(perfil da minha brava e fiel escudeirinha)

*

(ii) No Twitter:

@rommulus_

*

(iii) E, claro, aqui no GGN: Blog de Romulus

*

Quando perguntei, uma deputada suíça se definiu em um jantar como “uma esquerdista que sabe fazer conta”. Poucas palavras que dizem bastante coisa. Adotei para mim também.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

27 comentários

  1. Para os incautos de plantão

    A OEA  faz parte dos países imperialistas fascistas e são esses países que estão dando golpes em vários países. Conclusão: não vai dá em nada. Essa esquerda pequena burguesa é muito infantil. O golpe aconteceu porque a esquerda é muito infantil. Incluindo o PT.

     

    • Calma Franbeze

      Não custa tentar, né? O mundo jaz do inimigo, mas esse seu “deusinho” não tem todo esse poder  assim sobre tudo. Já estamos chegando ao fim, mas existe Luz no fundo do poço. Não torça para que errado dê certo, já pagamos alto preço no passado pelos erros daqueles pais que apoiaram o golpe.

      • Calma é p vc, Cesar. Defenda argumento válido!

        Cesar Saldanha, quem afirma que o mundo jaz do inimigo, aliás jargão muito usado por cristãos de todas as denominações, é voce. O comentário da Franbeze não tem nada a ver com esse contexto. E não contente, vc vai mais longe ainda e atribui à comentarista Franbeze um “desusinho”[assim mesmo, no pejorativo – “o seu deusinho”]  ! E, pior, vc continua e menospreza dizendo que o “deusinho” da comentarista é fraquinho porque não tem tanto poder assim.

        Gostaria de entender uma coisa: 1) afinal, aonde no comentário da Franbeze vc identificou o “deusinho” dela ??? 2) O fato dela não acreditar que a coisa na OEA dê em nada faz dela uma tordedora para que o errado[golpe] dê certo[tenha êxito] e que ela seja apoiadora de um golpe como esse 2016, assim como, vc mesmo disse, muitos brasileiros apoiaram o golpe que o BR viveu no passado?? O cometário da Franbeze não fez dela apoiadora de porra de golpe nenhum. Isso é indireta sua.

        Olha, amigo, colocar palavras na boca dos outros para fugir do debate é fácil. Difícil é ter opinião e sustentar com argumentos válidos . Esse é o seu caso. VC pode não concordar com a opinião dela, mas seja honesto e defenda as sua opinião sem atribuir ao outro argumentos que não foram usados por ela. 

        #DebateLimpoJá!

         

  2.  
    PROCESSAR O MINISTRO TEORI

     

    PROCESSAR O MINISTRO TEORI ZAVASCKI

    Entenda

    O honrado e honesto povo trabalhador brasileiro tem que, necessariamente, ingressar com uma ação no sentido de processar o SERVIDOR PÚBLICO ministro Teori zavascki por, no mínimo, ‘prevaricação reincidente num mesmo caso pra lá de escabroso’.
    Senão vejamos:
    Por volta do dia 18 de dezembro de 2105, o ministro Teori Zavascki recebeu, enfim, o primeiro pedido de prisão do GÂNGSTER mafiosíssimo ‘eduardo CU(nha TEMERário/TEMERo$$$o’.
    Pois muito bem!
    E qual foi a pronúncia do “colegiado supremo” do STF?
    “Data venia, as nossas togas precisar de férias!
    Estamos muito cansadinhos(as)!
    Após ‘o nosso recesso supremo na Europa com escala em Miami do barbosinha, voltaremos’!
    Bye!”

    Veio o carnaval, veio a Semana Santa… E o bandoleiro ‘eduardo CU(nha TEMERário/TEMERo$$$o’ operou – criminosa e impunemente – o ‘golpeachment’ naquela IMUNDA ‘Câmara dos(as) 300-400 [ou mais!] dePUTAdos(as) picaretas federais’!
    E o país seguiu sendo destruído impiedosamente!
    Uma QUADRILHA DE VELHACOS nazigolpistas &$ antinacionalistas/entreguistas, &$ antipovo &$ [mega]corruptos moribundos toma o país de assalto!
    A nação literalmente avacalhada no cenário internacional!
    E agora a desgraça se repete sob um cenário ainda mais horripilante e tenebroso…
    O atual palco – que promove ainda mais asco – está localizado naquele antro/covil [supostamente] senatorial.
    Lembremos que há mais de um mês chegou às mãos do mesmo ministro Teori Zavaski documento requerendo a prisão do (ir)responsável-mor pela tragédia surreal a qual estamos sendo submetidos.
    E até hoje o pedido de prisão do delinquente “está roncando à beça sobre a mesa de trabalho do ministro Teori Zavascki”.
    Portanto, os homens e mulheres de bem deste país devem perguntar, imediatamente, ao supremo ministro Teori Zavascki:
    “por que até hoje o pedido de prisão do terrorista lesa-pátria eduardo CUnha ronca sobre a sua mesa de trabalho”?
    Não diga que o ofício procedente da PGR ao chegar ao STF ingeriu uma quantidade cavalar do sonífero Rivotril®!
    Não diga!
    No entanto, a nação não suportaria este acinte desumano:
    assistir a etapa final do ‘golpeachment’ ser perpetrada por uma cambada de MALOQUEIROS/MALOQUEIRAS que se dizem “senadores(as)”!
    MALOQUEIROS/MALOQUEIRAS [supostamente] “senadores(as)” criminosos(as) hediondos lesa-pátria!
    Entalados(as) até a goela de lama da corrupção!

    Portanto, o presente e o futuro do povo trabalhador brasileiro e da nação estão nas mãos, na responsabilidade e, sobretudo, na consciência do doutor Teori Zavascki.
    Em sendo assim, este mesmo sofrido e espoliado povo trabalhador brasileiro tem que interpelar judicialmente o supramencionado ministro da [suposta] suprema corte do país!
    O ministro Teori tem a obrigação constitucional, institucional e moral de se pronunciar à nação.
    E JÁ!
    Mãos à obra!
    Do contrário, ‘nois’ não mais teremos ‘amanhã’!
    Complexo assim!

  3. Esqueceu de dizer q essa ação
    Esqueceu de dizer q essa ação força eleições em 2018 e vai ser difícil passar um parlamentarismo.

  4. Concordo com a avaliação. Se

    Concordo com a avaliação. Se bem que esses ratos golpistas estão pouco se lixando para tratados internacionais. Mas estejam certos, e principalmente eles também que, independente de o judicário aceitar ou não a recomendação da OEA, com a consumação do golpe que cedo ou tarde certamente virá o país sofrerá graves cosequências econômicas, sociais e políticas pela frente.

  5.  
    Parlamentares vão à

     

    Parlamentares vão à Comissão de Direitos Humanos da OEA denunciar o golpe contra Dilma; veja o vídeo e a petição 10 de agosto de 2016 às 17p3 (…) O VÍDEO DA DENÚNCIA HISTÓRICAhttps://www.youtube.com/watch?v=PMehIqJ9w0g FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.viomundo.com.br/denuncias/parlamentares-vao-a-comissao-de-direitos-humanos-da-oea-denunciar-o-golpe-contra-dilma-veja-o-video-e-a-peticao.html#comment-975044

  6. Caro suiço

       Como sou um tremendo chato, acho os deputados petistas uns manés, e Zé Eduardo apenas um bom advogado,  previamente inoculado com o virus da “procuradorite” ( uma versão atenuada do virus “juizite” ),  que conheço há mais de 30 anos ( minha advogada civel, e meu criminal, são colegas de “tchurma” de Dudu, e as referencias não são as mais  enobrecedoras )., permito-me a lhe dar subsidios, que suportam esta demanda juridica perante a CIDH-OEA.

        A montagem desta consulta, não é de Damous, Pimenta, sequer de Cardozo, e tem viabilidade, pois em 29/07/16, quem assumiu a secretaria executiva da CIDH-OEA, é um jovem jurista brasileiro, proximo ao PT, o Dr. Paulo Abrão, o qual dizem nos “corredores” , no “parquet”, é o “cara” que já teria elaborado esta estratégia, e como hj., nesta posição, tem competencia tanto juridica como administrativa, para botar para frente, transformar esta consulta em processo.

         Conheça o “cara” : http://www.oas.org/es/cidh/prensa/comunicados/2016/103.asp

    • Quem é vivo sempre
      Quem é vivo sempre aparece!

      Obrigado pelas informações – sempre com bastidores. A gente fica mal acostumado, hein?

      Concordo que o processo é viável. A questão é que há precedentes de passarmos por cima do sistema interamericano de DDHH.

      Mas a ironia da Flávia Piovesan é demais:

      Foi ela quem “inventou” a ideia de que, da leitura dos parágrafos do art 5o, decorre que tratado de direitos humanos teria hierarquia de emenda à constituição.

      Veio depois a Emenda 45 – a da reforma do judiciário – e abraçou a ideia, mas com um rito mais oneroso para tramitação (rigorosamente o mesmo de uma emenda) do que o que ele propunha (a ratificação normal de tratados – maioria simples). O resultado é que esvaziou a iniciativa, pois se o rito é o mesmo, que se faça logo PEC.

      Mas…

      Não deixa de ser irônico o seu lugar na História hoje.

      E deu azar de ser pega pela câmera no maracanã. E mais ainda de ter um cri cri como eu para registrar tudo.

      Posso te dizer que tá totalmente queimada na academia e na militância de ddhh.

      PS: senti sua falta nos comentários do vol.3 da série afro, hein

      • Arma-se antes

          Por principio, todos devem ter um “advogado” de plantão, ou vc. estará “perdido e previamente condenado”, e inqueritos, indiciamentos e posteriores processos ( caso não sejam “quebrados “, antes da inicial ), são estudados, deixam-se correr nas instancias, enquanto são elaboradas estratégias de defesa , a serem esgrimidas nas superiores, visando “matar” ou “calendar gregamente”, as ações judiciarias, jogando pelo acordo ou até pela prescrição.

           Meu filho, vc. que esta longe, pode até compreender, mas para o brasileiro comum, que assiste JN, lê FSP/Veja, crê que a abertura de um “inquerito”, denota prova, um “indiciamento” ( ação sem contraditório ), trata-se de condenação sem transito, mas não tem a minima idéia, que um “inquérito” é nada, apenas uma transcrição de algo, de uma ação, e que o “indiciamento”, o ato do MP de indiciar alguem, é apenas uma inicial, levada a feito pelo MP, baseada a indicios que o MP acredita serem validos, que ao serem apresentadas em juizo, por ele sejam aceitas, e porventura tornarem-s processos.

            Como meu “criminal” fala : Inquérito é apenas um papel, indiciamento uma vontade do MP, que mesmo com base em supostas provas, ainda deve ser aceita pelo juiz, para que tornem-se um processo, onde o contraditório irá clarear a luz das leis ( tremendo papo de advogado ), a sentença – que claro : recorreremos até o inferno, tanto dos códigos de processo, como aos atos juridicos imperfeitos, proferidos pelos juizos primarios, no limite : Acordo, penitencia, um chorinho.

             Já no caso Dilma/OEA, como não sou advogado, mas conheço um pouquinho da OEA, creio que a “peça” do Paulo Abrão, pode prosperar, na seara juridica – é claro que ele irá coloca-la perante ao CIDH – OEA , com base no caso Bogotá, o qual tem parcas semelhanças com o de Dilma, e a recondução de Gustavo Petro para a Alcaida, foi determinada pela ação da Corte Suprema Colombiana, após admoestação do CIDH-OEA, independente da vontade do Pres. Santos, e não acho, que nosso STF, possua culhão para obrigar a Temer, e aliás tem outro jeito :

              A OEA encontra-se deficitária, há anos, e o CIDH em pior situação ainda, portanto não é dificil que o governo Temer, adquira ( compre ) uma sentença favoravel, é só pagar a Insulza parte da divida do Brasil com a OEA, e os “juristas” do CIDH, mesmo com Abrão na secretaria executiva, chutarem a reclamação para frente, dando como “sentença” prerrogativas a nosso STF ( transito total em julgado ), ou absterem-se.

             Esta reclamação a CIDH-OEA, dá jornal, blog, discussão, tertulias academicas, até copiosos livros e teses, mas infelizmente, tende a tanto ao nada – na REALIDADE -, como a ação de Luis Inácio perante a ONU.

              Circo. 

        • Certeza que não é

          Certeza que não é advogado?? Circo de um lado… Pornochanchada da Embrafilme velha de guerra do outro. E cada um com seu público.

          Olha que título pertinente:

          Tantas candidatas a “damas” (com aspas mesmo) da Zona, não é mesmo?

          Não é a única nem a pior, mas só para prestigiar (de novo) meu único esforço no campo das charges (nível Paint Brush de um velho 386, monitor VGA… é o meu nivel!):

  7. DUAS OBSERVAÇÕES

    DUAS OBSERVAÇÕES

    1. O apoio do governo do Tazuni ao golpe não é mais velado. A reunião de John Kerry com José Serra Chevron escancarou a parada. Vide “Mark Weisbrot: Reunião de Kerry com Serra é uma atitude podre para um Secretário de Estado dos EUA no século 21” no Viomundo, em http://www.viomundo.com.br/politica/mark-weisbrot-reuniao-de-kerry-com-serra-e-uma-atitude-podre-para-um-secretario-de-estados-dos-eua-no-seculo-21.html

    2. Triste papel da Flavia Piovesan, como mulher-objeto do Temerrato – o Governo dos Bandidos, a duas cadeiras do Chefe Golpista, a demonstrar que os Golpistas têm suas mulheres, oh yes. Como pode se rebaixar a tanto?

  8. anúncio

    Teria algum efeito um anúncio internacional para precaver os possiveis compradores do Banco do Brasil, do INSS, da Petrobrás, da Casa da Moeda (não essa não. já tem dono, tudo negociadinho com o golpe), Pré sal e etc.

    Conteudo: Assim que o Brasil retomar o poder vamos nacionalizar tudo o que foi doado pelos usurpadores. Não diga que eu não avisei.

  9. apoiado!

    Todos os atos juridicos advindos de uma quebra de contrato não tem validade e esta quebra de contrato acontecerá no exato momento que o congresso impedir um presidente sob a batuda do parlamentarismo e o Supremo será o legitimador do golpe por não ter julgado aqulo que dividiu o pais. 100% correto a sua analilse!

  10. Passamos para o Parlamentarismo
    Quando foi que passamos para o Parlamentarismo, pois o que houve foi uma decisão de um sistema de governo parlamentarista e pior, pois no parlamentarismo quem cai é o primeiro ministro, onde o representante de estado não é um monarca o Presidente permanece.

    Eu sou um dos poucos que votou pelo sistema presidencialista no plesbicito ou referendo para isso.

    Sem crime de responsabilidade, já era pra ter enterrado essa iniciativa sob pena de que presidente que não faz maioria vai cair pelo parlamento, se não fizer o que eles querem.

    E qualquer governador ou prefeito que se preparem, pois serão refém do seu legislativo, se fizerem ou não fizerem maioria, pois a jurisprudência foi criada, estamos a 1 ano e meio nessa lenga, lenga, e o interino só vem gastando com uma irresponsabilidade incrível. Aumentando salários do que lhe interessa lá na frente, pelo que parece legislativo para aprovar o impeachement e o judiciário por certo para fazer vista grossa, pois seletivo todo mundo já tá vendo que são.

    Agora um STF que é o tribunal constitucional e está abrindo mão de zelar pela constituição, deveriam todos serem destituidos.

    Depois de apresentado o crime de responsabilidade como foi o caso de Fernando Collor, ai sim a constituição foi cumprida, e a partir de então é um julgamento político, agora o MPF disse que não era crime, os especialista do senado disse que ela não cometeu as pedaladas do plano safra, o seguimento passa a ser irregular.

    Como devemos chamar esse STF. Pilatos, Sinédrio.

  11. – Esses fundos e

    – Esses fundos e empresas-abutre terão de arcar, inclusive, com as perdas decorrentes da (semi) doação das empresas estatais e outros ativos do Estado. Do momento em que os tomarem até aquele em que sejam devolvidos ao Estado – “o que fatalmente ocorrerá no dia em que o povo brasileiro retomar o Estado, com a inexorável volta da democracia.”

    Não duvidem: cedo ou tarde, esse dia glorioso chegará!

    Hitler se enganou !!! O poovo inferior era o Brasileiro esse tempo todo !!!

    E se esse Glorioso dia levar 30 anos para chegar, não tem como anular tudo o que os abutres fizeram em 30 anos… se levar mais de dois não tem como !!!

    Esse país está a beira da catástrofe !!! E o pior, nosso povo merece isso !!!

    Esse país e seus recursos não merecem o povo que tem !!! O negócio é mandar todo mundo para um mega-campo de refugiados e dar o teritório para os escandinavos, que fazem o que fazem com metade do país coberto de gelo o ano todo e a outra metade coberta por 6 meses !!!

    Pior elite do mundo, pior classe média do mundo e pior povo do mundo !!! O Rebotalho da criação de Deus !!!

    • Concordo com relação à
      Concordo com relação à ‘elite’: é sem dúvida a pior entre todas as maiores economias do mundo.
      Já a classe média, penso que não é tão diferente de outras da América Latina não.
      Quanto ao povo, discordo.

  12. “Mas e a “segurança

    “Mas e a “segurança jurídica”? A “santidade dos contratos”? Pacta sunt servanda? Todas “essas coisas” que os abutres usam para fazer valer suas malandragens? Não os protegem?

    – Não! Esses abutres, acostumados, inclusive, a fazer negócios “tortos”, estão perfeitamente cientes de estarem tratando com um governo golpista, de exceção. Na verdade, aproveitam-se até da precariedade jurídica dos golpistas para depreciar – ainda mais! – os ativos em suas avaliações e oferecer menos ainda pelos mesmos.

    Espertinhos, não?”

    Na melhor das hiótreses, se a democracia voltar, vai ser tipo a auto-anistia dos militares… Vai seralgo do tipo, vc´s querem democracia, ok ? Deixamos inclusive a esquerda governar ao poder, desde que não rasguem os contratos que assinamos… e eles terão a força e poderão impor todas as condições, igual nossos militares, que nos devolveram a democracia, mas mantendo todos os golpistas e torturadores fora da cadeia !!!

    Esse país está acabado !!! Não existe futuro !! O futuro acabou esse ano !!! E o povo merece esse desgraça. Essa é a pior parte !!!

  13. Romulus, eu só não digo que a

    Romulus, eu só não digo que a chance desses contratos serem rasgados é 0, pq pode ser que um dia a democracia e as esquerdas retomem o poder pelas armas…

    Ah não…esquece, não serão rasgados mesmo. Esse povinho sem vergonha jamais seria capaz de tal façanha !!! O Brasileiro é muito cretino e acomodado para fazer algo do tipo um dia.

    Joguei muito tempo da minha vida fora me importando com esse zé povinho !!!

     

  14. PERGUNTO: DO QUE VALEM AS ELEIÇÕES?
    PERGUNTO: DO QUE VALEM AS ELEIÇÕES? “bye-bye” BRASIL. “Welcome Brazil”! QUE LÁSTIMA.> https://gustavohorta.wordpress.com/2016/08/10/bye-bye-brasil-welcome-brazil-que-lastima/&nbsp;”Verdade seja dita: os golpistas, conhecidos como coxinhas, depois trouxinhas, conseguiram detonar com a vontade popular definida conforme a constituição e a legislação eleitoral brasileira. À propósito, detonar com as leis, violá-las, corromper, roubar, sonegar, iludir, manipular é a sua maior competência. Posta em prática, “bye-bye” Brasil. “Welcome Brazil”! Assim que é, assim que foi: favas contadas, golpe aplicado. “É MAIS SEXY DO QUE UMA FESTA DE CARNAVAL” como pôde se manifestar um estadunidense há pouco tempo atrás. Venceu a quadrilha da bandidagem conhecida e reconhecida. Fazer o quê? Conviver com a bandidagem e, quem sabe, aqueles que tiverem estômago para tanto, tornarem-se igualmente bandidos. Aqueles que não se conformarem que tratem de agir.Mais ações, menos palavras, menos ‘converseiro’ inútil.PREJUÍZO É A PALAVRA CHAVE. CONSEGUE ENTENDER? …”

     

  15. Como sempre, uma crítica inteligente e bem-humorada.

    Caro Romulus, caros leitores.

     

    É sempre agradável ler crônicas inteligentes e bem-humoradas. Pela cor da camisa, presume-se ser Romulus carioca e flamenguista. Não sou nem uma coisa nem a outra, mas vivo e trabalho no Rio, há sete anos. E o humor e crítica inteligente são características dos cariocas de boa cepa.

    Concordo com a crítica feita e não tenho reparos ou observações a fazer. 

    Continue contribuindo com o blog. Os leitores agradecemos.

    • Uma vez Flamengo…

      Acertou nos dois.

      Para meu eterno orgulho, fui, alem de socio patrimonial, socio-atleta do clube por um tempo.

      No Remo.

      Treinava na belissima Lagoa Rodrigo de Freitas, que o mundo todo agora ve, ao assistir as regatas das Olimpiadas.

      Assisto eu tambem daqui da Suiça.

      E morro de saudades.

  16. Se a OEA fosse tratar de

    Se a OEA fosse tratar de golpes na America Latina na sua longa historia já nem existiria mais como entidade.

    Nâo há a minima hipotese da OEA ou a CIDH tratar de assuntos intitucionais de mudança de governo, não é esse o escopo nem da OEA e nem da CIDH a não ser em casos de guerra civil, como na Republica Dominicana em 1961.

    • Circunstancias mudam

      Verdade.

      Mas a questão é que o tempo passa. As circunstancias mudam.

      Interpretaçao evolutiva (e nao estatica) da Convençao “muda” os fundamentos juridicos. A jurisprudencia da CIDH evoluiu com o passar dos anos.

      Ademais, essa preocupaçao nao é exclusiva do grupo politico apeado do poder no Brasil.

      Quantos outros presidentes da America Latina tambem nao temem golpes parlamentares?

      Ainda mais depois deste precedente, no maior e “mais desenvolvido” pais da regiao?

      Ou seja: mudam tambem as circunstancias politicas e diplomaticas.

      Pergunta:

      Quantos presidentes da America Latina foram à cerimonia de abertura das Olimpiadas?

      Na foto quem saiu foi essa aqui:

  17. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome