Temer aposta que vai se livrar de cassação no TSE por, pelo menos, 4 votos a 3

Foto: Lula Marques/PT
 
 
Jornal GGN – Reportagem de Tales Faria no Poder 360, nesta sexta (2), informa que o governo Michel Temer espera vencer a ação de cassação de mandato que será julgada pelo Tribunal Superior Eleitoral na próxima terça (6), por pelo menos 4 votos a 3. O prognóstico foi informado aos tucanos Fernando Henrique Cardoso e Tasso Jereissatti pelo ministro Moreira Franco no último dia 29.
 
De acordo com o colunista, Temer espera obter os votos favoráveis à sua manutenção no poder dos ministros Gilmar Mendes, Napoleão Nunes, Admar Gonzaga e Tarcísio Vieira Neto. Os dois últimos foram nomeados recentemente para o TSE. 
 
Devem votar pela cassação de Temer os ministros Herman Benjamin, relator da ação, e Rosa Weber. O voto de Luiz Fux é considerado “incerto” pelo governo. 
 
“Tasso e FHC ficaram impressionados com a argumentação de Temer ser marcadamente jurídica e com detalhes dos bastidores do TSE. No dia anterior, domingo (28.mai), Temer havia anunciado seu novo ministro da Justiça. O advogado Torquato Jardim é especialista em direito eleitoral e foi ministro do TSE”, informou Faria.
 
A ação de cassação da chapa reeleita em 2014 foi movida pelo PSDB após a derrota de Aécio Neves para Dilma Rousseff. Ironicamente, hoje uma parte do tucanato espera que Temer seja cassado para acelerar o desembarque do governo, em meio à crise com a delação da JBS.
 
O presidente foi gravado discutindo possível pagamento de propina a presos da Lava Jato e ações da JBS para obstruir a Justiça. No Congresso, Temer já é alvo de dezenas de pedidos de impeachment. Na próxima semana, a Procuradoria Geral da República deve oferecer denúncia contra o presidente ao Supremo Tribunal Federal.
 
Assine

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora