Enquanto isso, no interior do Ceará…

Fotos: Ricardo Stuckert

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Em carta aos Congressos Estaduais Lula diz que “Brasil precisa muito do PT”

14 comentários

  1. No local onde trabalho, os

    No local onde trabalho, os muitos coxinhas que lá trabalham estão taciturnos, mas nutrem grandes expectativas pelo governo do interino…

    Conversando com eles acham que é muito cedo para avaliar estes golpistas e quando argumento a defesa da DEMOCRACIA, o argumento ainda resvala no PORTO DE MARIEL EM CUBA, PASADENA E PETROBRÁS – coisas QUE  A MÍDIA FEZ QUESTÃO DE OBSCURECER…

    E minha defesa desta causa, para eles, não é a defesa deles como cidadãos que pagam impostos, ou de seus filhos enquanto futuro, mas a defesa de um partido que é VIOLENTAMENTE AGREDIDO NA TV, com palavras que antigamente eram destinadas a bandidos!

    Eles acham que defendo o PT!

    Não conseguem ver o que está em jogo, o que valem para estes novos governantes!

    O que está se buscando anular com o PT é o contraditório a CASA GRANDE!

    A casa grande pela rebelião condenou Tiradentes ao esquartejamento e espalhamento de seu corpo pelo pais!

    Isso como medida disciplinar para impedir novas rebeliões…

    No fundo, no fundo é o mesmo que fazem com o PT!

    Esquartejar e espalhar terror com HUMILHAÇÃO PÚBLICA E CADEIA COM PENAS DURAS E IMPIEDOSAS!

    O interessante é quando os coxinhas vão esfriando as expectativas, VEM A PRISÃO DE ALGUM PETISTA, a do mantega surtiu efeito!

  2. Nassif, isso não seria

    Nassif, isso não seria incitação do ódio? Dos procuradores e dos rábulas que estão acabando com o País? Logo, presumo eu, começarão a prender também os eleitores do Lula. Já votei em candidatos do PT por falta de melhor opção. Mas o próximo, será por indignação.

  3. Fantastico

    Esses tempos uma colega me perguntou porque eu gostava tanto do Lula…. Acho que nem vendo essas imagens, ela vai compreender. Eles não entendem, não tem capacidade para isso; acho que ha uma outra questão também: não sabem muito bem o que é generosidade.

  4. Os golpistas nao tem este prestigio

    Nenhum desses  golpistas da vida ( Aécio, Serra, Temer….) tem ou terao este prestígio que o Lula sempre teve e terá.

    Quer dizer, eles podem ate juntar outros golpistas  em  clubes,shoppings …., afinal eles sao milhares por este Brasil afora.

     

    Jose Emilio Guedes Lages- Belo Horizonte

     

     

     

     

     

  5. Como um anônimo cearense,

    Como um anônimo cearense, nascido e criado como pobre, trabalhado a vida inteira em comunidades pequenas e carentes, testemunhado o quanto a miséria é degradante, entendo perfeitamente o sentimento – genuíno, sincero, autêntico – dessa minha gente.

    Que me perdoem os citadinos; os de classe média para cima; os que nunca acordaram com dúvidas acerca do básico:comer, vestir, estudar….morrer; os que nunca precisaram abandonar seus lares e torrão natal para sobreviver em terras estranhas; os que são distinguidos nos cemitérios com lápides de mármore e não cruzes toscas de madeira; até mesmo aqueles que infensos a essas agruras, mas que face a um coração aberto e sensível, se empenham em entender e mudar um mundo injusto; que todos me perdoem, mas JAMAIS poderão entender na sua plenitude, apreender na sua essência a DEPRAVAÇÃO da iniquidade social.

    Pois é isto que me impede não perdoar esses que saem às ruas protestando contra corrupção, contra políticos, contra o quer que seja, sempre tendo por ânimo seus interesses – legítimos ou não – mas NUNCA contra essa chaga que infesta nosso tecido social desde sempre que é a miséria e a exclusão social.

    Meu avô paterno morreu de tuberculose em razão da subnutrição(FOME!) com meu pai ainda no útero da minha avó. Pessoalmente, vi alguns morrerem pelo mesmo motivo. Na minha infância era regra, não exceção, os chamados “esmoléus”, velhos precoces egressos da lavoura mas sem nenhuma previdência social, e em tempos de seca, homens fortes e sadios. Quando o desespero atingia seu clímax, invadiam para saquear o comércio das cidades. Presenciei isso não na década de 60, 70, mas de OITENTA! Quase “ontem”. Isso em 1986 na cidade de Itapipoca, às 10 da manhã, quando mais de duzentos famintos se apossaram de mantimentos(não se soube da apropriação de outras mercadorias se não comida).

    É isso: morrer de uma topada; sofrer e agonizar por uma facada, uma mordida de cobra; morrer de parto, morrer e padecer por falta às vezes de um simples “pílula”. Morrer como indigente aqui e ali, em terras distantes.Mas sobrevivemos e estamos aqui. A realidade não é mais essa. O ponto ideal está distante, mas já demos a partida. Faz sentido agora pensar em futuro. Antes, só o passado e o eterno presente da falta de perspectivas.

    Isso explica um pouco esse respeito e veneração por Lula. Não um deus ex-machina, branco, de olhos claros, culto e sábio, mas um deles, um nosso. Parido do mesmo ventre da indigência aviltante.Talvez o único líder político da história do país que pode usar o “NÓS” quando fala com os pobres e miseráveis para expressar uma afinidade genuína e não uma demagogia barata. 

  6. Grande Líder Popular

    Essas imagens dizem tudo o que Lula significa para o povo brasileiro, especialmente aos mais pobres. São imagens belíssimas e emocionam os que prezam a democracia e sonham com a gualdade entre as pessoas.

    Ps: Lula caminha nos braços do povo desde as greves do ABC no final dos 70.

  7. Muito bem. Mas como

    Muito bem. Mas como transformar popularidade em contra golpe? Nas ruas de Floripa tem gente que não sabe o que é o pré sal e, não é pouca não. Ésó ir distribuir panfleto, em linguagem simples para constatar.

  8. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome