Decidimos postergar tudo até denunciar Lula, diz Dallagnol após cobrança de Moro

Dallagnol disse ao ex-juiz que a denúncia do triplex contra Lula seria liberada "no dia 14" de setembro de 2016, quando o procurador efetivamente apresentou a peça com o Power Point

Jornal GGN – Em mais uma demonstração de que a prioridade dos esforços da Operação Lava Jato era prender Lula, o coordenador da força-tarefa de Curitiba Deltan Dallagnol disse a Sérgio Moro, em agosto de 2016, que todas as demais investigações foram postergadas, deixadas de lado, até que saísse a denúncia contra o ex-presidente.

“Não é muito tempo sem operação?”, questionava o ex-juiz Sergio Moro. “É sim. O problema é que as operações estão com as mesmas pessoas que estão com a denúncia do Lula. Decidimos postergar tudo até sair essa denúncia”, respondeu o procurador.

Em seguida, Dallagnol ainda adiantou para o ex-juiz que a denúncia contra Lula deveria ser liberada “no dia 14”, em referência ao mês seguinte, setembro. Conforme programado, Dallagnol efetivamente ofereceu a denúncia do triplex na data mencionada, na peça que o procurador usou Power Point para acusar o ex-presidente de ser o “comandante máximo do esquema de corrupção identificado na Lava Jato”.

O conteúdo da mensagem foi divulgado pelo The Intercept na noite desta quarta-feira (12). Leia abaixo:

31 de agosto de 2016

Moro – 18:44:08 – Não é muito tempo sem operação?
Deltan – 20:05:32 – É sim. O problema é que as operações estão com as mesmas pessoas que estão com a denúncia do Lula. Decidimos postergar tudo até sair essa denúncia, menos a op do taccla pelo risco de evasão, mas ela depende de Articulacao com os americanos
Deltan – 20:05:45 – (Que está sendo feita)
Deltan – 20:05:59 – Estamos programados para denunciar dia 14
Moro – 20:53:39 – Ok

 

Relembre a denúncia:

Leia também:  Malvadinhos da Lava Jato: por que o Brasil não pode crescer como as potências capitalistas?, por Tiago Camarinha Lopes
Denuncia-MPF-Lula-Triplex-14-09-2016

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

6 comentários

  1. Além do $érgio Moro e do Dallagnol, os Moretes e Dallagnetes também são sepulcros caiados. Acabei de encontrar dois Moro-Dallagnetes Burrominions que eram fãs do Reynaldo Azevedo. Ao vê-los começo a sorrir e pergunto: E aí, cadê o Bandido Moro?
    Um deles responde que ele não cometeu nenhum ato ilícito. Como eles fãs do Reynaldo Azevedo, eu disse a eles que o Reynaldo Azevedo entrevistou o Demori e na entrevista afirmou que o $érgio Moro fosse um juiz sério, ele teria desligado o telefone na cara do Dallagnol quando este sugeriu simular uma denúncia com base em notícia apócrifa contra uma pessoa e mandaria a polícia prendê-lo, mas, em vez disso, o Moro determinou ao Dallagnol: “Então formaliza”. Aí um dos Burrominions disse que o Reynaldo Azevedo é lunático. Eu perguntei a ele quando o Reynaldo Azevedo, que para eles era o maior jornalista do Brasil, se tornou lunático e ele respondeu que ele é lunático desde sempre.

    O Outro Burrominion disse: “O Reynaldo Aevedo tem razão: O Moro é bandido mas é nosso bandido de estimação”.

  2. Num país com um mínimo de seriedade, esse ex-juiz já teria sido demitido e estaria sendo processado. O mesmo deveria ocorrer com essas lastimáveis figuras que somente trazem vergonha e opróbrio ao Ministério Público.
    Entretanto, numa república bananeira na qual o Brasil foi transformado, temos que aturar mais de cem generais em postos do governo, ameaçando o que restou de decente caso o vergonhoso julgamento de Lula seja anulado. Triste país.

  3. Esses incondicionais do Moro e cia me fazem lembrar a tática usada em algum país da África pra caçar macacos: coloca-se uma banana dentro de uma armadilha e quando o macaco agarra-a não consegue mais retirar a mão pela pequena abertura, porque soltar a banana nem pensar! Aí o bicho é pego com facilidade.

  4. Além do fato extremamente positivo de estar sendo provado aquilo que todos os que não são globobos já sabiam, que a lavajato foi direcionada, parcial, imoral e ilegal, é preciso estar atento a outras coisas.
    Questão de prestar muita atenção às duas mãos dos mágicos/ilusionistas para não ser ludibriado.
    No pano de fundo de tudo está a geopolítica.
    A grande mídia e a mídia alternativa, progressista ou não, têm, nas últimas 24 horas, aventado/sugerido/levantado ou mesmo afirmado que haveria uma participação russa por traz dos vazamentos. A quem essa afirmação interessaria?
    No meio militar se está difundindo, desde alguns anos, a ideia de que China e Rússia estariam promovendo uma guerra híbrida no/contra o Brasil.
    ¡Ojo!

  5. o Juíz, Desenbargador, autoridades, etc, como os demais cidadãos com autoridade delegada pelo povo, são servidores do povo, errou, CF e as leis afins, daí desdobrabradas e em vigor, nele. Todos são iguais perante a LEI BRASILEIRA. Nossa ignorância cidadã e analfabetismo genérico, são responsáveis pelo Brasil que temos
    A situação cívica e cidadã vergonhosa que vive o Brasil na atualidade e, a assustação dos cidadãos, só podem ser mudadas mesmo, pelos cidadãos conscientes de todas as classes sociais (principalmente, dos estudantes brasileiro) dessa e das gerações futuras e, assim, servirem de exemplo e motivação, para os demais cidadãos alienados e omissos, na defesa de seu poder constitucional (Parágrafo Único do Art. 1º da CF que diz: ”Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição”). A estratégia que os cidadãos, em especial, os educadores, os cientistas e estudantes, utilizam, divulgando suas obras, seus prêmios, seus resultados exitosos de sua vivência docente e discente da educação responsável e libertadora, que deve ser valorizada e defendida por todos os brasileiros, que amam o Brasil.
    Ela, a educação, e´ a arma cidadã em qualquer parte do mundo, de libertação e de minimização da desigualdade injusta e desumana, provando e comprovando para as autoridades que, vêem mas, não entendem isso. Estão corretos todos e, Deus que protege a CF do Brasil, não lhes deixarão na mão. Há portanto, um ditado popular lá pelos confins do sertão Cearense que, nos momentos de medo e de assombrações, diz o seguinte: “Se a gente correr o bicho pega, se a gente ficar o bicho come mas, se a gente se unir, o bicho foge”
    Infelizmente, a situação deplorável que vive o Brasil e, não adianta culparmos pessoas ou os outros, por nossa condição generalizada de povo que não gosta de ler livros e sequer, conhece a CF, a Constituição e a Lei Orgânica de seu Estado e Município e, de se informar na verdade, no amor e na justiça imparcial, que são dons de Deus, o que concorre, para que não valorizemos a família e, que tenhamos educação cristã, na acepção da palavra, respeito, ética e misericórdia, pelo próximo.
    Concorre também, para que não tenhamos e nem valorizemos a cultura da nação, daí, o motivo porque não temos memória de fatos e de referência históricas ( https://jornalggn.com.br/brasil/links-para-a-historia-do-brasil-de-1894-a-2018/ ), pois fomos transformados pelas mídias e imprensa da elite dominante, em analfabetos genéricos, em educação, em política, em cidadania, em patriotismo; em cultura; em direito e respeito às pessoas; em fraternidade e solidariedade; em defesa consciente de nossos direitos, de qualidade de vida e dos serviços públicos com qualidade.
    Tampouco nos preocupamos em conhecer quem são os parlamentares, nossos representantes e fiscais constitucionais, nem com as suas responsabilidades, em relação ao padrão de conformidade e de qualidade, das obras e serviços públicos ofertados aos cidadãos, assim como com a omissão e ausência tempestiva e proativa, das instâncias de fiscalização e controle interno e externo, na certificação tempestiva e proativa por interesse do povo, da conformidade e qualidade dos objetos contratados; de justiça imparcial; etc.
    Por isso, o dominador externo que sabe o que quer e, seus comandados internos que, a própria imprensa corporativa da elite, mostra rotineiramente, tais ocorrências em nosso país, protagonizadas por cidadãos que não têm respeito, fidelidade e compromissos com o bem-estar da população e da nação. Conhecendo eles, o nosso perfil de cidadãos ignorantes ( http://www.romulolins.blog/ignorancia.pdf) e nossas susceptibilidades, que são públicas, não têm dificuldades na execução de seu trabalho Interno e, no cumprimento de sua missão de destruição de nossas forças estratégicas, para minarem resistências contrárias.
    Sem resistências populares opostas, a CF, a nacionalidade, a unidade e fraternidade, a democracia e o estado de direito e, a soberania nacional, estão em perigo. Tudo isso acontecem, apesar da CF mandar fazer o contrário (Artigos 1° ao 7°, principalmente), aos homens públicos, eleitos pelo povo ou nomeados nos termos da CF (Parágrafo Único do Art. 1º ), Constituição essa, promulgada, de acordo com seu Preâmbulo, “sob a Proteção de Deus”, como é o caso: i) dos nossos representantes e fiscais públicos, os parlamentares, dos Poderes Legislativos; ii)dos administradores e governantes, dos Poderes Executivos e; iii) dos juízes e magistrados, dos Poderes Judiciários, sendo todas essas autoridades, da União, do DF, dos Estados e dos Municípios.
    Encontramos, e essa é o exemplo que falamos acima, de milhares de pessoas nas redes sociais, que em vez de lerem responsavelmente, os textos de interesse do povo e da nação, independentes de quem são ou de que ideologia venham, submetidos a nós para leitura, apreciação, análise, conclusões e opiniões próprias sobre os assuntos temáticos, dialogando e trocando impressões e opiniões construtivas, com foco e amparo na CF, de modo, a ajudar a instruir e a conscientizar as pessoas menos favorecidas e desinformadas, sobre assuntos afins ao interesse da cidadania de todos mas, não, o que vimos são, infelizmente, o predomínio de baixarias, ofensas, ódio, agressões, preconceitos e irradiação de energias negativas, etc, o que não faz bem a ninguém nem ao Brasil.
    Mudemos esses maus exemplos, antes que seja tarde demais. Para quem interessar, taí ela que muitos, infelizmente, não a conhecem, a conhecem mas não recorrem à ela como deveriam, não a cumprem nem a respeitam como deveriam, não a defendem como deveriam, Ela é, a Constituição Federal da República Federativa do Brasil ( http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/ConstituicaoCompilado.htm ).
    Numa democracia, são os cidadãos, os donos legítimos do poder constitucional, que dizem o que querem, quando, onde e como querem, que seus representantes, legisladores e fiscais públicos, os parlamentares dos Poderes Legislativos; os seus administradores e governantes, dos Poderes Executivos e; os seus juízes e magistrados, dos Poderes Legislativos, todos, que são pagos com o dinheiro do povo, para servi-los e promoverem o bem-estar comum e a justiça imparcial, para todos.
    Aos cidadãos brasileiros simples, aos que são servidores constitucionais do povo, aos religiosos, não esqueçam isso: “Aquele que violar um destes mandamentos, por menor que seja, e ensinar assim aos homens, será declarado o menor no Reino dos Céus. Mas aquele que os guardar e os ensinar será declarado grande no Reino dos Céus. Digo-vos, pois, se vossa justiça não for maior que a dos escribas e fari­seus, não entrareis no Reino dos Céus.” (São Mateus 5, 19-20).
    Aí, é que entram os estudantes brasileiros, pilares da cidadania e embaixadores, das gerações futuraras, parabéns a todos pela a iniciativa cidadã, de lutarem pelo direito, pelo respeito à CF, pela educação para todos e pelo BRASIL. “São os estudantes a energia, Que farão dessa nação, A bomba que o mundo ouvirá, Num brado de libertação”.
    São as nossas observações, comentário à essa matéria e contribuição à cidadania de nossos irmãos, aos quais sugerimos, leiam e consultem com mais frequência, a CF, a Constituição e a Lei Orgânica de seu Estado e de seu Município.
    BÔNUS:
    Art. 2º São Poderes da União, independentes e harmônicos entre si, o Legislativo, o Executivo e o Judiciário.
    Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:
    Parágrafo I – construir uma sociedade livre, justa e solidária; II – garantir o desenvolvimento nacional; III – erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais; IV – promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.
    Art. 4º A República Federativa do Brasil rege-se nas suas relações internacionais pelos seguintes princípios:
    I – independência nacional; II – prevalência dos direitos humanos; III – autodeterminação dos povos; IV – não-intervenção; V – igualdade entre os Estados; VI – defesa da paz; VII – solução pacífica dos conflitos; VIII – repúdio ao terrorismo e ao racismo; IX – cooperação entre os povos para o progresso da humanidade; X – concessão de asilo político.
    único. A República Federativa do Brasil buscará a integração econômica, política, social e cultural dos povos da América Latina, visando à formação de uma comunidade latino-americana de nações.
    Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o transporte, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 90, de 2015).
    Paz e bem.
    Sebastião Farias
    Um brasileiro nordestinamazônida

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome