Rosa Weber diz que interiorizar os venezuelanos é urgente

Jornal GGN – Rosa Weber, ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) disse que é urgente e necessário acelerar o processo de interiorização dos imigrantes venezuelanos de Roraima para outros estados. A afirmação está em decisão proferida no processo em que o estado busca novamente o fechamento da fronteira com a Venezuela. O mesmo pedido já foi feito e rejeitado, mas o governo local insiste.

Na quarta, dia 22, o governo federal disse que, até o fim do mês que vem, a meta é retirar voluntariamente 1.000 venezuelanos de Roraima. Esses se somariam aos 830 cujo processo de interiorização já foi concluído.

Em seu despacho, Rosa Weber solicitou à Advocacia-Geral da União (AGU) que envie, em 15 dias, documentos com informações sobre o processo de interiorização dos venezuelanos. Ela pede dados sobre quantos imigrantes foram levados para outros estaddos, documentos que comprovem a articulação com os estados e municípios, lista de estados consultados e perspectivas de novas vagas para a ampliação do processo em curso.

Segundo ela, há informações preliminares que mostram os esforços do governo federal no caso, mas que os dados são “ínfimos dado o noticiado constante fluxo de entrada de novos migrantes no território roraimense.”

“A absoluta incerteza sobre a duração deste triste êxodo humano e o impacto diário deste fenômeno no custo dos serviços públicos dos entes federativos mais próximos desta porta de entrada brasileira – no presente caso os municípios fronteiriços e o estado de Roraima – conduzem à urgente e necessária aceleração do processo de interiorização, como ‘válvula de descompressão’ da questão litigiosa”, afirmou.

Leia também:  TRF aceita pedido para trancar ação de ex-procurador que ajudou na delação da JBS

No dia 23, após visitar os centros de recepção e triagem de imigrantes na fronteira entre Brasil e Roraima, o ministro Raul Jungmann, da Segurança Pública, disse que não há omissão no caso dos venezuelanos no estado.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

1 comentário

  1. Auschwitz, Birkenau, Bergen-Belsen…

    Problema fácil de resolver, Rosa sem cor sem perfume sem nada Weber.

    É só ler a obra de um autor germânico, que tem um nome bem fácil de pronunciar.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome