Supremo propõe reajuste de 41% para servidores do Judiciário

Jornal GGN – Após acordo firmado com o Ministério do Planejamento, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovaram na tarde de ontem uma proposta de reajuste de 41,47% para os servidores do Judiciário da União. A proposta deve ser encaminhada até amanhã ao Congresso para inclusão no Orçamento de 2016.

O reajuste será distribuído em oito parcelas semestrais ao longo de quatro anos, começando em janeiro de 2016. O STF também aprovou um aumento de 16% no salários dos ministros da Corte, indo de R$ 33 mil para R$ 39 mil. Ricardo Lewandowski, presidente do Supremo, disse que o reajuste no salário dos ministros não resultará em efeito cascata sobre a folha de pagamentos do governo.

Do Valor

STF propõe reajuste de 41,47% para servidores do Judiciário

O Ministério do Planejamento firmou um acordo com o Supremo Tribunal Federal (STF) para a proposta de reajuste dos servidores do Judiciário. Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovaram esta tarde, em sessão administrativa, a proposta de reajuste de 41,47% para servidores do Judiciário da União, que será encaminhada ao Congresso até sexta­feira para inclusão no Orçamento de 2016. A proposta é fruto de longas negociações com o governo, depois de uma série de manifestações de servidores.

O reajuste aos servidores será distribuído em 8 parcelas semestrais ao longo de 4 anos, sendo a primeira em janeiro de 2016.
 
A Corte também aprovou um reajuste de 16,38% no salário dos ministros, que iria de R$ 33 mil para cerca de R$ 39 mil, e também será encaminhado ao Legislativo. Neste caso, o valor já valeria a partir de janeiro de 2016.
 
O presidente do STF, Ricardo Lewandowski, negou que o aumento no salário de ministros teria um efeito em cascata sobre a folha de pagamentos do governo. Como os integrantes do Supremo ganham o teto constitucional, seu salário tem impacto direto sobre alguns cargos, como de ministros do Superior Tribunal de Justiça, por exemplo. Outras categorias também obtêm reajuste com base no salário do STF, como o Ministério Público. O impacto se estende para outras categorias, mesmo que de forma indireta.
 
“Não há nenhum efeito automático em cascata, estamos cumprindo a lei e o Congresso dará a última palavra”, afirmou Lewandowski. A proposta de reajuste dos servidores foi negociada com o Executivo depois que a presidente Dilma Rousseff vetou reajuste médio de 56% aprovado anteriormente pelo Congresso.
 
Em nota, o Planejamento destaca que o acordo viabiliza o cumprimento dos prazos orçamentários, pois o governo tem até o dia 31 de agosto para encaminhar ao Congresso Nacional o Projeto da Lei do Orçamento Anual (PLOA) com a previsão de despesas de pessoal para todos os Poderes.
 
De acordo com a pasta, a proposta prevê que o impacto total na folha de pagamento do Judiciário será de 23,2%. O percentual de aumento individual deve oscilar entre 16,5% e 41,47%, sendo que o maior percentual será pago a servidores que ingressaram nos últimos anos, não possuem incorporações e recebem menores salários.
 
O reajuste será distribuído linearmente entre as 8 parcelas, sendo a última paga em julho de 2019 e o impacto após a última parcela será de R$ 5,99 bilhões ao ano — informou o Planejamento.

21 comentários

  1. Sem cunhices!

    Quando se tira o Eduardo Cunha da jogada as coisas se resolvem. Essa negociação do STF com o Executivo já vinha ocorrendo quando o Cunha, com suas cunhices, atropelou tudo e aprovou algo inviável, que a Dilma foi obrigada a vetar.

    Se ele não tivesse metido o bedelho, isso já teria se resolvido. A solução foi atrasada por causa das cunhices.

  2. O unico aumento de verdade aí

    O unico aumento de verdade aí é dos ministros, o dos servodres é só uma matematica complicada que ao final será os mesmos 21% dos outros spf´s, por exemplo, um dos itens da proposta é aumentar 3% ao ano o salario base durante 4 anos; os servidores tomam a tunga do povo enquanto os ministros que  já querem o segundo aumento em menos de seis meses, ficam susa…..

    • Pior: caminha a largos passos

      Pior: caminha a largos passos para o teto constitucional de 5%. E os incautos ainda defendem independência e autonomia para PJ, MP, etc. Mesmo a independência funcional não pode ser irrestrita, como já demonstrei noutros comentários, pois criam-se monstros sobre os quais os poderes democráticos e a sociedade civil não exercem qualquer controle. O MP é um exemplo disso; Sepúlveda Pertence tinha toda razão. Já o Parlamento e o Judiciário brasileiros custam muito caro e não atendem aos pressupostos que deles se esperam. Tanto o Poder Legislativo como o Poder Judiciário estabelecem os próprios salários e o próprio orçamento; entretanto o ônus vai para a União e para o Executivo. É muito confortável e rentável integrar as hostes do Legislativo e do Judiciário.

  3. Assim!
    Como sempre foi e ai esta a casa grande!
    Nao! Nao pode vencer quando a lei eh usada por eles.
    Senzala eh senzala e a casa grande veste a cara de pau!
    Da-lhe Mora! Gilmar!
    A justica ta comprada e o congresso financiado!
    Ha esta frase nao eh minha e de um samba do Arlindo.
    Sempre escrevo. Qua! Qua! Qua!

  4. A plebe fica com o que sobra

    A plebe fica com o que sobra e os ricos ficam com caviar. Esse mundo continua uma beleza. Tio Levy e Tia Dilma praticam a política do Robin Wood ao contrário. Tirar dos pobres pra dar pros ricos. Pro povão reforma trabalhista, previdenciária, desemprego e inflação. Pra classe média crédito consignado. Pros servidores públicos federais 21% pra calarem a boca. Pro STF, banqueiros, empresários oligopolistas tudo!

    • 21% parcelado em 4 anos, é

      21% parcelado em 4 anos, é bom lembrar; o que dá pela proposta do governo uma ‘reposição’ salarial abaixo da previsão de inflação, sem que seja reposta as perdas reais dos últimos 4 anos. Ou seja na prática, uma prosta de ‘achatamento’ do salário real do funcionalismo público.

  5. Evolução dos salários no judiciário
     Concurso TRT4 2006 – remuneração analista: R$ 4.094,50 Concurso TRE-PB 2007 – remuneração analista: R$ 6.551,52 Concurso TRT9 2012 – remuneração analista: R$ 6.611,39 Concurso TRT4 2015 – remuneração analista: R$ 8.863,84  

    • Evolução em 100%

      Pela nota acima, o salário de um analista entre 2006 e 2015 evoluiu mais de 100%. O salário mínimo teve essa evolução? Por que o nosso lento judiciário, que tem uma média de 7 anos por ação, tem esse gamho? Ou a lei não é igual para todos? 

      • Evoluçao

        Salário mínimo evoluiu 125% .. Salário inicial do Analista subiu 116%…

        Mas isso apenas no nível inicial da carreira… os níveis seguintes não acompanham a mesma proporção.

  6. Com dinheiro de quem?  Das

    Com dinheiro de quem?  Das putas maes deles, talvez?

    Porque eh que o aumento de 33 mil pra 39 mil segue quase exatamente a subida do DOLAR, gente?

  7. Cadê a crise???

    será que é impressão minha, ou essa crise, assim como as outras, só serve para justificar cortes e impostos para o povo? 40% é pouco se for pagar pelo tamanho do ego dos nossos juízes, deveriam pedir 40000000% de uma vez.

  8. O que ninguém percebe é que a

    O que ninguém percebe é que a diferença entre o que foi enviado inicialmente, 56%, e o que foi concedido, 40%, é o aumento que dos juízes. Será  que estão metendo a mão no dinheiro que era pra reposição dos servidores? Sei não, só sei que foi assim,

  9. Aumento de Salário

    Eu gostaria de saber se nobres Deputados, Senadores ,  Juizes , Delegados e etc …

    Se eles vão repassar este aumento de salários que eles estam obtendo com o dinheiro que é nosso

    para os seu

    FUNCIONÁRIOS ?

    Será que os deputados  e senadores q votaram a favor desses aumentos , será q eles vão dar esse

    aumento para os seus funcionários ? É claro que não ! Pois é mt fácil fazer festa com que é  dos outros.

  10. Quando eu crescer quero ser o

    Quando eu crescer quero ser o Neymar,Senador ,Deputado ou Juiz .Ah,que pena ,eu já cresci .

  11. Eta festa que os coxinhas

    Eta festa que os coxinhas BURROS, ANALFAS POLÍTICOS vão ter que pagar também!!!!!!!!!!!!!!!!!! Gente, to começando a ficar feliz com essa desgraça de aumentos para os corruptos da justiciaria paraguaia. Enquanto os moros vão fazebdo a farra, os coxinhas estúpidos vão ter que soltar suas moedinhas para pagar tanta sacanagem na justiciaria corrompida desde que nasceu..

  12. aumento dos servidores do poder judiciário

    Sou servidora do judiciário. Pensionista de servidor falecido do executivo. Esclareço: em 2002, a pensão valia menos de 50% do meu salário. Hoje vale mais de 100%. Onde está o tal prinvilégio dos servidores. DOS SERVIDORES. Gostaria, isso sim, de receber os percentuais acumulados pelos juízes desde 2009. Ah, sim. Não quero auxílio moradia. Me envergonharia.

  13. JUÍZES E CCs MORDERÃO DE 16% A 25% EM JANEIRO DE 2016

    Juízes e CCs terão aumento de 16% em Janeiro de 2016

    O STF incluiu agora reajustes de 16% a 25% para os Cargos de Confiança

    detentores das maiores remunerações, com parcela única em janeiro de 2016,

    em desequilíbrio evidente com o longo parcelamento proposto (de 8 vezes) 

    aos servidores de forma geral, que só finalizaria apenas em julho de 2019.

    O STF também encaixou a título de reposição da inflação passada, presente e futura, 

    um imprevisto aumento de 16 % nos Susídios dos Juízes, Classe que já recebeu

    reajustes significativos nos últimos anos, em paralelo ao arrocho aos trabalhadores

    que não terão a recuperação do poder aquisivo das remunerações defasadas em 49%.

    .

    http://www.fenajufe.org.br/index.php/imprensa/ultimas-noticias/fenajufe/3444-stf-apresenta-proposta-fechada-com-governo-sem-aval-da-categoria

    .

    • Justiça do Trabalho também faz parte do Judiciário Federal

      Para quem não está informado, os Funcionários da Justiça do Trabalho

      também integram as Carreriras dos Servidores do Judiciário Federal.

      Portanto, não é uma boa ideia d@s empregados e empregadas celetistas,

      cujos direitos são protegidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) 

      e que estão sob a Tutela Jurisdicional da Justiça do Trabalho em todo Brasil,

      desqualificarem os trabalhadores do Judiciário Trabalhista neste momento.

       

  14. Não vou rebater essa notícia,

    Não vou rebater essa notícia, porque já beira o ridículo a manipulação que promoveram nos dados. 

    Vou dizer do cálculo do meu salário para janeiro/2016: -R$50,00. E demorará mais de um ano para que volte ao patamar de HOJE, inaugurando a era em que a vaca tosse, mexe-se com direitos trabalhistas, e os salários passam a ser redutíveis. Obrigado, PT e jornalistas que colaboraram com o governo.

    Sim, o meu “aumento” para 2016 vai ser de MENOS 50 reais e alguns centavos. Isso porque parcelados, descontados o IR, dá 3% por parcela até 2019, um ano após a eleição presidencial. Porém, nesse meio do caminho as autoridades mal assessoradas engoliram até os sindicatos pelegos e englobaram duas indenizações ganhas na justiça: um aumento concedido ilegalmente apenas aos militares, e outra parcela de 50 reais, que sequer recordo de onde saiu, mas foi em cima de outro descumprimento da lei reconhecido na justiça. Isso porque o governo se acostumou a praticar ilegalidades e esperar o STF anistiar.

    Enquanto meu aumento vai ser de MENOS CINQUENTA REAIS, o dos ministros do STF, STJ e todo mundo que está na verdadeira cascata vai ser de 6 mil reais, mais do que recebemos por mês.

    Dilma e Mendes se merecem. Uma pedala, o outro salta.

  15. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome