Dodge diz que Dallagnol não pode ser removido da Lava Jato

Na prática, a PGR demonstra que está ao lado de Deltan e não vai afastá-lo de ofício por conta das mensagens de Telegram reveladas pelo Intercept Brasil em parceria com outros meios de comunicação

Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – A Procuradora-Geral da República Raquel Dodge emitiu nota nesta sexta (2) em defesa de Deltan Dallagnol, após a Folha de S. Paulo informar que ministros do Supremo Tribunal Federal estão articulando um meio de afastar o procurador do comando da Lava Jato em Curitiba.

Segundo Folha, há 2 caminhos em pauta: pedir o afastamento no âmbito do inquérito das fake news no STF, sob relatoria de Alexandre de Moraes, ou pressionar Dodge a executar o pedido de ofício. O jornal disse que a PGR fez uma reunião às pressas para discutir as consequências do novo vazamento do Intercept, que mostra que Dallagnol alimentou e tinha informações sobre investigações que afetam Dias Toffoli e Gilmar Mendes.

Em nota pública, Dodge afirmou que “não sofreu qualquer pressão de qualquer tipo para determinar a medida de afastamento referida na matéria, de quem quer que seja, e tampouco convocou, ou realizou reunião de emergência para discutir o assunto na quinta-feira dia 1º ou em qualquer data anterior ou posterior.”

“Mais do que isso”, informou a procuradora-geral, “o princípio constitucional da inamovibilidade é garantia pessoal do procurador Deltan Dallagnol, estabelecida no artigo 128-I-b, de não ser afastado dos processos da Lava Jato, dos quais é o promotor natural, na condição de titular do ofício onde tramitam todos os processos deste caso, e junto do qual atuam os demais membros da Força Tarefa Lava Jato, designados pela Procuradora-Geral da República Raquel Dodge.”

Na prática, a PGR – que está em campanha para ser reconduzida ao cargo por Jair Bolsonaro – demonstra que está ao lado de Deltan e não vai afastá-lo de ofício por conta das mensagens de Telegram reveladas pelo Intercept Brasil em parceria com outros meios de comunicação.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora