Inquérito das fake news: investigados começam a depor nesta terça

A ativista de direita Sara Winter e o empresário Edgard Corona, da rede de academias SmartFit, são esperados na Polícia Federal nesta terça a partir das 14h

Jornal GGN – Começa nesta terça-feira (2) a oitiva de investigados no inquérito 4781, mais conhecido como inquérito das fake news, que tramita no Supremo Tribunal Federal e apura a rede de ataques à honra e ameaças à segurança dos ministros da Corte.

A ativista de direita Sara Winter e o empresário Edgard Corona, da rede de academias SmartFit, são esperados na Polícia Federal nesta terça a partir das 14h. A militante organizadora do acampamento 300 do Brasil informou no Twitter que não vai comparecer e desafiou a PF a prendê-la.

 

 

 

Na quarta-feira (3), a PF espera ouvir o youtuber e blogueiro Allan dos Santos, que assim como Sara, também foi alvo de busca e apreensão no final de abril.

Na quinta (4) será a vez da deputada Carla Zambelli e do comandante Winston Lima, suspeito de ser o organizar por trás dos protestos pró-governo e contra os demais Poderes, que ocorrem em Brasília.

>>> O GGN PREPARA UM DOSSIÊ SOBRE O PASSADO DE SERGIO MORO. SAIBA COMO AJUDAR AQUI. <<<

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  GGN Covid: no Brasil, crescimento pesado na curva de novos casos em São Paulo

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome