newsletter

Pular para o conteúdo principal

Luis Nassif Online

Aberta à participação da sociedade civil, a política nacional de inovação teve avanços significativos; por Luis Nassif
Para especialistas, excesso de judicialização fez STF perder sua função de corte constitucional
21 comentários
Programa discute a importância e ajustes da Lei Pelé
8 comentários

Brasil 2015: a revolução do Pronatec

 

Política públicas modernas são aquelas que conseguem definir um foco, e, em cima de uma base já existente, convocar os atores envolvidos para o trabalho de diagnóstico e para os planos de ação.

Há várias críticas sobre o estilo autocrático de Dilma Rousseff. Mas pouco reconhecimento das políticas que, abertas à participação da sociedade civil, significaram avanços significativos.

É o caso da política nacional de inovação - dos quais as siglas mais vistosas são o Pronatec (Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego), mas também o Reuni (Reestruturação e Expansão das Universidades Federais), a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, o MEI (Mobilização Empresarial pela Inovação), a Embrapii (Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial), o Ciências Sem Fronteiras, Inova Brasil.

***

Leia mais »

Média: 3.7 (3 votos)

Com um dia de atraso, meus parabéns a Luis Carlos da Vila

Autor: 

No dia 21 de Julho de 1949 nascia Luis Carlos Baptista, conhecido no samba como Luis Carlos da Vila. Morreu vitimado por um cancer em 20 de Outubro de 2008, mas a sua musica vive dentro de mim e dos amantes do samba, de tal sorte que nao deixo de canta-lo em qualquer samba que faco no Rio de Janeiro ou quando simplesmente quero ouvir o que ha de melhor.

Viva Luis, Sim.....eh o Cacique de Ramos....planta onde em todos os ramos... cantam os passarinhos a bailar.....

Vídeos

Média: 5 (1 voto)

Multimídia do dia

As imagens e os vídeos selecionados.

Média: 3 (2 votos)

Fora de Pauta

O espaço para os temas livres e variados.

Média: 3 (2 votos)

Clipping do dia

As matérias para serem lidas e comentadas.

Média: 3 (2 votos)

Duas inéditas de João Gilberto

Lá pelo início dos anos 2.000 meti-me numa polêmica com alguns teóricos da USP, defendendo a ideia de que o samba-choro e o samba sincopado tinham influenciado diretamente João Gilberto, a partir dos conjuntos vocais e dos clássicos do sincopado.

Anos depois, consegui gravações caseiras de João Gilberto, ensaiando o repertório do que viria a se constituir no LP "Chega de Saudade".

Aqui, dois clássicos do sincopado no ensaio de João Gilberto.

O primeiro, "Nos Braços de Isabel", de Romeu Gentil e José Judice; e "Beija-me", do grande Roberto Martins. 

Áudio

You are missing some Flash content that should appear here! Perhaps your browser cannot display it, or maybe it did not initialize correctly.

You are missing some Flash content that should appear here! Perhaps your browser cannot display it, or maybe it did not initialize correctly.

Média: 3.3 (7 votos)

A insegurança hídrica de Alckmin em dois atos

Hoje, 22 de Julho, é um dia importante para quem acompanha a crise hídrica em São Paulo e para a cidadania paulista de modo geral. Contrariando discursos otimistas – que beiraram a arrogância, dado o não reconhecimento da gravidade dos problemas –, nos deparamos com dois anúncios fundamentais sobre o futuro de curto prazo com relação ao abastecimento de água para quase metade da população do Estado: 1) a declaração do uso, já para Agosto, do volume morto da represa de Biritiba-Mirim, integrante do Sistema Alto Tietê (conforme notícia do G1: http://g1.globo.com/sp/mogi-das-cruzes-suzano/noticia/2014/07/sabesp-preve-utilizar-volume-morto-do-sistema-alto-tiete-em-agosto.html); 2) a confirmação da solicitação da SABESP à ANA para a retirada de mais 100 bilhões de litros de água do volume morto das represas integrantes do Sistema Cantareira (conforme a notícia da Folha: http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2014/07/1489368-sabesp-pede-para-utilizar-mais-agua-do-volume-morto-do-cantareira.shtml).

O percurso sinuoso encontrado a partir da observação dos discursos de Alckmin constitui um indício sobre a forma com que a crise hídrica tem sido gerida. O que percebemos é que, necessariamente, Alckmin apenas se pronuncia para conceder as notícias "boas", "positivas", "alentadoras". Nunca o governador admitiu que a situação é dramática. Esses discursos preocupantes, quando são publicizados, provém apenas de alguns dos técnicos do governo. Caberia aqui, como um adendo, perguntar como é possível que as falas de Alckmin, conforme mostraremos abaixo, jamais tenham sido contestadas diante das realidades que vêm à tona posteriormente, que invariavelmente desmentem os seus pronunciamentos.

Leia mais »

Média: 4.8 (18 votos)

A mudança do futebol brasileiro

A goleada que a seleção brasileira tomou na semifinal da Copa do Mundo 2014 é considerada a mais sofrida de sua história. O resultado trouxe a tona os problemas intrínsecos ao futebol brasileiro, como a falta de capacidade de formação dos jogadores dentro do país. 
 
Para discutir esse assunto, o programa Brasilianas.org convida Heraldo Panhoca, jurista que colaborou na redação da Lei Pelé, militante nas áreas de Diteito do Trabalho e direito desportivo e Ary José Rocco Junior, professor da Escola de Educação Física e Esporte da Universidade de São Paulo (EEFE/USP). 
 
O apresentador Luis Nassif receberá todos na tarde desta terça para a gravação do programa que irá ao ar na próxima segunda-feira (28/07), das 20h às 21h, na TV Brasil. Você pode participar encaminhando suas perguntas que poderão ser selecionadas até às 16h00 pela produção. Clique aqui para enviá-las.  
 
Onde sintonizar a TV Brasil:
Média: 3 (4 votos)

Pesquisa inédita mostra conectividade de órgãos públicos brasileiros

Jornal GGN – Uma pesquisa feita pela primeira vez para traçar o perfil da conectividade dos órgãos públicos brasileiros de todas as esferas apontou que, pelo menos do ano passado até agora, 100% das esferas federais e estaduais possuem computadores conectados à Internet. O dado é apenas um dos resultados obtidos pelo TIC Governo Eletrônico 2013, feito Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br).

O objetivo do levantamento, segundo a entidade, foi de medir, de forma até então inédita, o acesso e uso das Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) pelas organizações públicas. Além disso, medir a presença de mecanismos de relacionamento com os cidadãos via Internet, com oferta de serviços on-line e iniciativas de participação social por meio de novas tecnologias.

O estudo levou em conta órgãos federais e estaduais, da administração direta e indireta, de todos os Poderes (Executivo, Legislativo, Judiciário e Ministério Público), além de prefeituras. Foram entrevistados 572 órgãos públicos federais e estaduais, entre outubro e dezembro de 2013. Entre as Prefeituras a amostra contou com 334 municípios.

Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

Henrique Annes, gênio e memória do violão brasileiro

O Henrique Annes, gênio e memória do violão brasileiro do título, vocês vão entender já a razão. 

Na sexta-feira desta semana, Henrique vai para 68 anos. É uma idade em que se incluem a preparação para a música no tempo de infância, curta, porque tão menino já se apresentava entre os grandes do violão de Pernambuco, mais os anos de execução, mais os anos de espetáculos em casas de amantes da música, como a do violonista e médico Racine, mais as suas viagens pelo Brasil e apresentações em palcos. Como 67 anos? O fenômeno da vida a matemática não explica. Se formos somar o que Henrique Annes tem percorrido e recupera, quando toca e fala,  ele tem muito mais que 67 anos X 6. Mas nada de Matusalém, entendam. É que a duração da sua vida se alarga absoluta na memória.  Henrique Annes fala de coisas que pareciam para sempre sepultadas, esquecidas, e com um frescor vital como se nos levasse por um túnel claro, cheio de luz. São revelações musicais que parecem ter acontecido agora, neste exato instante, tamanha a naturalidade e ausência de pó com que ele nos fala.  Aquilo que um romancista faz como um curador do tempo, Henrique à sua maneira também faz, soprando a poeira de discos vinil, que ficam  novinhos em folha e se põem a rodar, nas suas gordas mãos e obesa memória. 

Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

PSDB processa Dilma pelo fato da Anac fiscalizar aeroporto de Cláudio

 

Jornal GGN - A Coligação Muda Brasil, encabeçada pelo PSDB do presidenciável Aécio Neves, emitiu uma nota na noite de segunda-feira (21) afirmando que vai entrar com uma representação na Justiça Eleitoral contra a candidata do PT à reeleição, a presidente Dilma Rousseff.

Para o bloco oposicionista, o governo federal comete abuso de poder em favor do PT ao usar a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) para investigar o aeroporto construído por Aécio enquanto governador de Minas Gerais, em 2010. O equipamento não está regularizado e encontra-se em território de um tio-avô do tucano. 

O caso foi revelado no último domingo (20), pelo jornal Folha de S. Paulo. De acordo com a denúncia, Aécio autorizou o investimento de quase R$ 14 milhões na construção de uma aeroporto de porte modesto na cidade de Cláudio, onde o presidenciável passou a infância. A pista fica a seis quilômetros da Fazenda da Mata, pertencente à avó do senador mineiro, Risoleta Neves. 

Leia mais »

Média: 2 (21 votos)

Governo segura pagamento a empresas do setor elétrico

Jornal GGN - O governo adiou por todo o primeiro semestre o pagamento de R$ 3,4 bilhões para empresas do setor elétrico, para evitar uma piora no resultado das contas públicas. Estes recursos são transferidos pelos fundos setorais, administrados pela Eletrobrás e bancados pelo Tesouro Nacional, e são usados para pagar o combustível utilizado nas usinas térmicas da região Norte e para subsidiar distribuidoras que atendem consumidores rurais.

De acordo com o jornal O Estado de São Paulo, os pagamentos serão efetuados entre agosto e setembro, em compromisso assumido por Arno Augustin, secretário do Tesouro, com dirigentes do Ministério da Fazenda. Nos próximos dois meses, a arrecadação federal deve aumentar graças à reabertura do Refis, o Programa de Recuperação Fiscal, que parcela dívidas atrasadas de empresas com a Receita Federal. Para setembro, espera-se o pagamento de bônus de R$ 2 bilhões da Petrobras pela exploração dos campos de pré-sal.

Leia mais »

Média: 3.7 (3 votos)

Batuque no Morro, do Trio de Ouro, gravada em 1938

Enviado por Gilberto Cruvinel

Linda música gravada pelo Trio de Ouro em 1938, num 78 rpm que continha no lado A a música " Iaiá Baianinha ", este 78 rpm foi lançado pela gravadora Odeon. Nesta época, o Trio de Ouro tinha o mais conhecido trio e o primeiro: Dalva de Oliveira, Herivelto Martins e Nilo Chagas.

Samuel Machado Filho: 
Batuque de Herivelto Martins, Humberto Porto e Ozon (quem seria?) que o Trio de Ouro gravou na Odeon em 11 de maio de 1938, com lançamento em junho (11611-B, matriz 5831). Qualidade é isso aí!

Video de Dark Heart

Leia mais »

Média: 5 (1 voto)

Em Gaza, 121 crianças já foram mortas, alerta Unicef

Jornal GGN – Desde o início da ofensiva militar de Israel contra o território palestino de Gaza, 121 crianças palestinas morreram, e 80 delas com menos de 12 anos. A informação foi dada pela Unicef, o organismo das Nações Unidas para a proteção da infância. Ainda segundo a entidade, foram 84 meninos e 37 meninas, com idades entre cinco meses e 17 anos. Ao  menos outras 904 crianças ficaram feridas, informou ainda a Unicef.

Com as últimas mortes ocorridas em Gaza, já são 593 pessoas vitimadas pela ofensiva israelense, em 15 dias. Neste mesmo período, 27 soldados israelenses morreram, além de dois civis, que foram atingidos por foguetes lançados da Faixa de Gaza.

A ONU, através de seu Escritório para Assuntos Humanitários, descreve como “devastadora” a situação da população de Gaza. “Literalmente, não há um espaço que seja seguro para os civis”, disse o porta-voz Jens Laerke. Segundo avaliação do organismo, 107 mil crianças precisam de tratamento especializado pelo trauma que sofreram ao vivenciar os ataques sofridos, em que famílias e casas foram destruídas. Até agora, equipes de emergência conseguiram ajudar menos de 900 crianças.

Leia mais »

Média: 3.9 (7 votos)

Pra Fugir da Saudade, de Paulinho da Viola

Enviado por mcn

Pra fugir da saudade é a música (melodia) mais bonita de Paulinho da Viola. Um samba inusitado, com modulações e dissonâncias. Redondo e lindo. Lembra um pouco Ingênuo de Pixinguinha, embora sem a mesma sofisticação harmônica. Há poucas gravações. No filme do Zuenir, Paulinho canta com as filhas. Há um registro de Élton Medeiros muito bom também.


Leia mais »

Média: 5 (2 votos)