Exposição Balões e Mundos Imaginários, por Rosângela Vig

Imagem: Divulgação

Do Obras de Arte 

Exposição Individual – Rosângela Vig – Balões e Mundos Imaginários

Por Rosângela Vig
 

“O dia abriu seu parassol bordado
De nuvens e de verde ramaria:
E estava até um fumo, que subia,
Minuciosamente desenhado.

Depois surgiu, no céu azul arqueado,
A Lua – a Lua! – em pleno meio dia.
Na rua, um menininho que seguia
Parou, ficou a olhá-la admirado…

Pus meus sapatos na janela alta,
Sobre o rebordo… Céu é que lhes falta
Para suportarem a existência rude!

E eles sonham, imóveis deslumbrados,
Que são dois velhos barcos encalhados
Sobre a margem tranquila de um açude…”
(QUINTANA, 2007, p.18)

Em muito, o coração do poeta pulsa como o do artista e, se o mundo todo coubesse na imaginação deles, talvez seria reinventado. Receberia pinceladas de encantamento, doses extras de infância e porções efêmeras de cores. E a alma divagaria eufórica por esses mundos, soberana, desatada dos nós e dos presságios.

 

Pode ser que esses universos tenham sua órbita no colorido descomedido de um balão que conduz a outros caprichos da fantasia. Esse talvez tenha sido o propósito maior da artista plástica Rosângela Vig, em suas obras da série Balões e Mundos Imaginários. Seus balões coloridos parecem saltar da cena, por meio de efeito tridimensional. Por vezes eles aparecem em mundos reais, monocromáticos. Outras vezes, esses mundos são fantásticos, com torres e castelos que podem derreter ou se mover com as ondas do mar ou ao sabor do vento. Quanto aos balões, apenas sobrevoam esses mundos. Parecem não pertencer às cenas, descolando delas, como se protagonizassem realidades intransponíveis. De seus coloridos, extrai-se o efeito final de que pertencem à nossa realidade. É como se o próprio espectador estivesse sobrevoando esses mundos em um dos balões.

Leia também:  As coisas simples de um artista único, por Carlos Motta

Dez obras da série estarão expostas de 2 a 23 de outubro, na Galeria da Livraria Cultura, do Shopping Market Place, que fica na Avenida Chucri Zaidan, 902, piso 1, loja 222. Elas podem ser vistas de segunda a sábado, das 10h às 22h e aos domingos e feriados, das 13h às 21h. Vale a pena visitar e percorrer os mundos imaginários da artista.

Fig.1 – Barcos chegando à Cidade Imaginária, acrílico sobre tela, Rosângela Vig.

Fig.2 – Barcos chegando à Cidade Imaginária, lápis de cor sobre papel, Rosângela Vig. 

Fig. 3 – Parque de diversões na Cidade Imaginária, acrílico sobre tela, Rosângela Vig. 

Fig.4 – Balões sobre Veneza, acrílico sobre tela, Rosângela Vig. 

Fig. 5 – Balões sobre a Cidade Derretida, lápis de cor sobre papel, Rosângela Vig.  

Fig. 6 – O Vaso Mágico sobre Paisagem Árida, acrílico sobre tela, Rosângela Vig.  

Referências:

QUINTANA, Mário. Quintana de Bolso. Porto Alegre: L&PM Pocket, 2007. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome