A deterioração da balança comercial brasileira, por Luis Nassif

Em apenas 12 meses, houve uma redução de mais de US$ 10 bilhões no saldo acumulado de 12 meses.

Está ocorrendo uma erosão rápida no saldo da balança comercial brasileira. Em apenas 12 meses, houve uma redução de mais de US$ 10 bilhões no saldo acumulado de 12 meses. Essa queda se deve ao desempenho das exportações, que caíram quase US$ 8 bilhões no período.

 

 

 

 

Quando se analisa a tendência, o quadro começa a preocupar. Os gráficos abaixo mostram a variação das exportações e das importações no acumulado de 12 meses – em reação a 3, 6 e 12 meses atrás. A linha dos 3 meses mostra a tendência de mais curto prazo. E todas as três linhas apontam para baixo.

Se for analisar pelo acumulado trimestral, em relação ao mesmo período do ano anterior, o quadro é mais preocupante ainda. Nos últimos três meses, a queda do acumulado foi de 20 a 50%, em relação ao mesmo período anterior.

Decompondo os US$ 10,6 bilhões de queda no saldo comercial, em 12 meses, as maiores quedas foram para o Mercosul (US$ 7,6 bilhões de redução no saldo)

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  O fetiche do PIB como indicador de desenvolvimento e o fiasco da notícia, por Álvaro Miranda

6 comentários

  1. É preciso ser honesto. Para quem prometeu destruir tudo,eles estão de parabéns, nem Hitler foi tão eficaz em tão pouco tempo.

    11
  2. A narrativa das classes dominantes que são anti-bolsonaro para fazer o povo esquece-lo é justamente essa: degradação da balança comercial. Da Dilma foi o endividamento público… Mas esquecer dele …só em 2022, pois o impeachment dela foi péssimo negócio.

    1
    5
  3. De onde foram extraídos os dados? Foi mencionado em artigos anterior do Nassif, mas não me recordo! Queria fazer umas simulações.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome