Ala do PSDB declara apoio oficial e fará ato com Haddad

Foto: Reprodução/Youtube

Jornal GGN – Fernando Haddad recebeu na noite de quarta (10), em sua residência em São Paulo, um grupo do PSDB que defende ideias de esquerda e que decidiram declarar apoio ao presidenciável do PT, que enfrentará Jair Bolsonaro no segundo turno das eleições 2018. A informação é do Estadão desta quinta (11).

Segundo o jornal, a corrente Esquerda Para Valer (EPV) abriu a “ponte de diálogo” com o PT no segundo turno prometendo não só apoio formal, mas um ato público de campanha nesta quinta. Essa “reúne cerca de 5 mil militantes nas redes sociais e é uma das mais antigas da sigla”, apontou o diário.

O posicionamento do PSDB nacional nesta eleição é de neutralidade, ou seja, não há apoio formal nem a Haddad e nem a Bolsonaro. Apesar disso, a base tucana em diversos estados já correram para a raia do capitão da reserva. Entre os exemplos está João Dória, que tenta se eleger governador de São Paulo.

Segundo o Estadão, o coordenador do EPV-PSDB, Fernando Guimarães, justificou que “a candidatura do Haddad está no campo democrático, PT e PSDB estiveram juntos em vários momentos”. Apesar disso, há a ressalva de que a iniciativa não foi chancelada por caciques como José Serra, que é ligado ao grupo. Quem teria feito a aproximação dessa ala tucana com Haddad foi o vereador Eduardo Suplicy (PT).

O ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo estaria tentando construir pontes com os caciques do PSDB. 

6 comentários

  1. O eleitor  categoricamente

    O eleitor  categoricamente rejeitou as alianças, não está nem aí para apoios políticos, e o PT vai nessa…

  2. SEM MUROS

    A distância entre a cacicagem e o eleitorado é tamanha que se os partidos não se renderem à democratização interna, vão deixar de ser instrumento de luta e passar a servir apenas como instrumento de contenção institucional contra a participação política, se é que já não viraram isto há tempos. Isto vale pra todos os partidos, de esquerda e de direita.

    Quem sabe, isto não indique o início de mudança de paradigma no país? Estou falando do complexo de vira-latas. Rebelar-se contra os iguais é muito mais difícil do que rebelar-se contra os diferentes. Se um militante é capaz de mandar liderança às favas, talvez possam pensar por conta daqui pra frente, sem medo de romper, se necessário. Ponto pros tucanos, desta vez.

  3. O PT está parecendo um cachorro sarnento de rua que ganha ……

    O PT está parecendo um cachorro sarnento de rua que ganha um biscoito, não vai resolver a sua fome, mas ele sai todo contente.

    • resposta!!!!!!!!

      SE ATE O PSDB ESTÁ CONTRA BOLSONARO O QUE DEVEMOS ESPERAR DESSE GOVERNO MEDIOCRE???? MORTES, FALENCIAS FINANCEIRAS,MORAIS E FAMILIARES!!!!!!! CRESCIMENTO DA CORRENTE NAZISTA EM NOSSO PAIS TÃO LINDO!!!!!!!!!! UMA CATASTROFE SEM PRECEDENTES!!!!!!!!!!! O INIMIGO DO MEU INIMIGO AGORA É MEU AMIGO!!!!!!!!!!!!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome