GGN Covid: o quadro dos descalabros estatísticos no Brasil

O quadro abaixo dá uma ideia das distorções das estatísticas sobre o Covid nos últimos dias. Repare que, em apenas uma semana, São Paulo registrou aumento de 409% na média diária semanal de casos registrados. E 16,1% a mais do que a média de 28 dias atrás. Portanto, a subnotificação afetou, também, as estatísticas de médio prazo.

Com o descarrego de dados, a média diária de casos aumentou 120% em relação a uma semana atrás e 16,1% a mais do que 28 dias atrás.

Mesmo assim, se traçar uma curva com a média de 28 dias, percebe-se que, mesmo com esses desequilíbrios, não há uma reversão da curva de quedas.

Por aqui, percebe-se que as grandes distorçoes estatísticas aconteceram no sudeste, especialmente no Rio de Janeiro e São Paulo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome