Outras ações antes de Lula estão prontas para sentença de Moro


Foto: Wilson Dias – Agência Brasil
 
Jornal GGN – O processo de Luiz Inácio Lula da Silva no caso conhecido como o triplex no Guarujá passou por todas as etapas na Justiça Federal do Paraná e a expectativa, calculada pelos jornais, é de que o veredito de Sérgio Moro ocorra até o final desta semana. Moro, entretanto, pode não seguir o prazo médio que vem adotando em outras ações e dar preferência a outros quatro que estão na fila das decisões da Lava Jato há mais tempo.
 
Por justamente ser o mais polêmico, Moro pode não cumprir o prazo médio de 25 a 35 dias que leva, geralmente, em seus processos para condenar investigados. Isso porque também aguarda a decisão do magistrado do Paraná outros investigados.
 
Se a denúncia contra o ex-presidente Lula está pronta para ser despachada desde o dia 21 de junho, um dos autos relacionados ao ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, as filhas do executivo e um de seus genros, também está pronto desde o dia 8 de março.
 
O tema é polêmico porque está em julgamento o fato de as filhas e genros de Costa terem retirado provas na residência do ex-diretor, enquanto a Polícia Federal estava cumprindo mandados de busca e apreensão. O Ministério Público alega que a delação dele deve ser cancelada pela obstrução. O caso pode se desdobrar em todas as investigações que levam a delação do ex-diretor da Petrobras como meio de denúncia.
 
Depois da polêmica decisão aguardada de Moro sobre o caso, também espera um julgamento o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, desde o dia 31 de março, na ação que o delator Augusto Mendonça, do grupo Setal, o acusa de receber R$ 2,3 milhões em propinas do PT para pagar uma editora que tem ligação com sindicatos, em campanha de 2010.
 
Por fim, uma última ação que espera a resposta de Sérgio Moro envolve 13 pessoas, incluindo o ex-diretor da Petrobras, Renato Duque, e mais 12 delatores.
 
Dessa forma, outras ações que já aguardam a decisão final do juiz de primeira instância do Paraná podem ser analisadas antes da que acusa o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de receber vantagens da OAS com o triplex no Guarujá e o local de armazenamento do acervo presidencial.
 
Por envolver apenas presunções e teses supostamente lógicas, sem materialidade ou provas concretas, ainda que o Ministério Público Federal (MPF) acredite na substancialidade das informações, o próprio órgão de investigação admitiu que houve uma dificuldade de produzir provas, mas que isso não pode ser considerado uma falha ou falta de evidências, mas o “profissionalismo” com que os supostos crimes teriam sido cometidos.
 
Por essa razão, a decisão de condenar o ex-presidente deverá ser a mais polêmica de todas, podendo ser tomada apenas após as outras quatro ações que andam na fila do juiz Sérgio Moro.
 

7 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Daytona

- 2017-07-12 13:03:47

A ação é coordenada, a

A ação é coordenada, a condenação de Lula vai ocorrer para ser utilizada de cortina de fumaça, provavelmente para o golpe dentro do golpe, reforma previdenciária, etc.

O mesmo como as denúncias contra o Temer, querem funalizar a situação, agora Temer é o grande culpado, e, retirando-o, tudo se resolve.

O que impressiona é o nível da coordenação, até aquele movimento 342, um bando de picaretas, chamando a atenção para Temer enquanto o Senado aprovava a reforma trabalhista, são todos uns pilantras. Até o mote "Zveiter, estou de olho em você", como que alçando o advogado da Globo a salvador da pátria. Esse país é um circo, uma vergonha.

Serjão

- 2017-07-12 05:39:07

Coisa de profissional

mas o "profissionalismo" com que os supostos crimes teriam sido cometidos.

O herói do imbecil coxinha, o carrasco do povo brasileiro.

Geuvar

- 2017-07-12 00:45:30

O Moro deve está esperando a

O Moro deve está esperando a estreia do filme da lava jato, para fazer mecham... 

João de Paiva

- 2017-07-12 00:18:51

Mais especulações e balões de ensaio
Como tem sido praxe, a mídia especula, planta notas e lança balões de ensaio, em vez de investigar, apurar e narrar fatos.

Marcos Videira

- 2017-07-12 00:15:35

Savonarola de Curitiba

É pertinente relembrar o aviso dado pelo PhD Cerqueira Leite ao "frade Savonarola de Curitiba".

“Cuidado, Moro, o destino dos moralistas fanáticos é a fogueira. Só vai vosmecê sobreviver enquanto Lula e o PT estiverem vivos e atuantes. Ou seja, enquanto você e seus promotores forem úteis para a elite política brasileira”.

 

André Lopes

- 2017-07-11 23:52:11

A sentença contra Lula vai
A sentença contra Lula vai sair no dia da estreia do filme da lava jato. Tá tudo combinado com a Globo.

Pedro Augusto

- 2017-07-11 23:48:40

Onde está o

Onde está o sujeito?

 

http://mundovelhomundonovo.blogspot.com.br/2017/07/onde-esta-o-sujeito.html

 

 

    

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador