Ibaneis Rocha indica surpresa com os atos criminosos de bolsonaristas

Patricia Faermann
Jornalista, pós-graduada em Estudos Internacionais pela Universidade do Chile, repórter de Política, Justiça e América Latina do GGN há 10 anos.
[email protected]

Apesar dos claros indícios, governador disse que foi pego de surpresa das "proporções" dos "movimentos" no Distrito Federal

Com a repercussão da tentativa de golpe fracassada em Brasília, com a invasão de bolsonaristas criminosos na Praça dos Três Poderes, o governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), gravou um vídeo pedindo “desculpas” a Lula e, apesar dos claros indícios recentes, disse que foi pego de surpresa das “proporções” dos “movimentos que estavam chegando ao Distrito Federal”.

“Quero me dirigir aqui primeiramente ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva para pedir desculpas pelo que aconteceu hoje na nossa cidade”, falou o governador.

A fala de Ibaneis ocorre após a lenta reação das forças de segurança do Distrito Federal, principalmente da Polícia Militar, responsável por atuar nas seguranças dos espaços dos Três Poderes.

Apesar de as invasões terem iniciado por volta das 14h deste domingo (08), somente após às 16h30 é que as forças especiais e o efetivo policial chegou ao local para dispersar os bolsonaristas e prender os criminosos.

Mesmo com a demora e a reação de Ibaneis ocorrer após o presidente Lula decretar intervenção federal na segurança do Distrito Federal, o governador disse que os “verdadeiros terroristas que terão de mim todo o efetivo combate para que sejam punidos”.

Ainda segundo ele, que teria conversado com o ministro da Justiça de Lula, Flávio Dino, nos últimos dias, monitorando o avanço dos grupos radicais nas proximidades do Palácio do Planalto, Congresso e Supremo Tribunal Federal (STF), eles supostamente não acreditavam “em momento nenhum que essas manifestações tomariam as proporções que tomaram”.

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador