Lula anuncia sede da COP-30 em 2025: “Vai ter gente do mundo inteiro e vão ficar maravilhados com a cidade de Belém”

Ana Gabriela Sales
Repórter do GGN há 8 anos. Graduada em Jornalismo pela Universidade de Santo Amaro. Especializada em produção de conteúdo para as redes sociais.
[email protected]

A candidatura de Belém, no Pará, para ser a cidade-sede da COP-30 foi oficializada em janeiro. No último dia 18 ONU confirmou a escolha

O governador do Pará, Helder Barbalho, o presidente Lula e o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira: primeira COP no Brasil. Foto: Ricardo Stuckert / PR

O Brasil vai sediar a 30ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP-30), em Belém, no Pará, informou o Palácio do Planalto, nesta sexta-feira (26). 

Em um vídeo, publicado nas redes sociais, o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, anuncia a decisão da ONU ao presidente Lula (PT) e ao governador do Pará, Helder Barbalho (MDB).

As Nações Unidas aprovaram, no último dia 18 de maio, a realização da COP-30 na cidade de Belém do Pará, em novembro de 2025”, afirmou o Vieira. 

A Conferência do Clima da ONU é o evento ambiental mais importante do planeta, que reúne chefes de Estado, pesquisadores, ambientalistas e empresários.

A candidatura de Belém para ser a cidade-sede foi oficializada em janeiro. Mas, segundo o governo, a decisão é uma resposta ao pleito do próprio presidente, feito durante participação na COP- 27, no Egito, no ano passado, logo após vencer as eleições.

“Democracia é coisa frágil. Defendê-la requer um jornalismo corajoso e contundente. Junte-se a nós: www.catarse.me/jornalggn”      

Eu já participei de COP no Egito, em Paris, em Copenhague e o pessoal só fala da Amazônia. E eu dizia assim: por que, então, não fazer a COP em um estado da Amazônia, para vocês conhecerem o que é? O que são os rios, as florestas, a fauna“, explicou Lula.

O pessoal se prepare porque vai ter gente do mundo inteiro e vão ficar maravilhados com a cidade de Belém”, ressaltou o presidente.

O governador do Pará afirmou que o estado está preparado para receber a conferência. “É uma satisfação grande. O Estado do Pará e Belém estão ávidos para receber a todos, e trabalhando para que possamos, por um lado, fazer um belo evento, mostrarmos que a Amazônia está preparada para receber o planeta”, disse.

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador