PGR e PF vazam contra o PT e a favor de Temer

Jornal GGN – Voltou a prática de vazamento de inquéritos em poder da Procuradoria Geral da República (PGR) e da Polícia Federal em Brasília. No final de semana, foram vazadas para a revista Veja trechos de inquérito contra a presidente do PT Gleisi Hofmann que eram desconhecidos da própria Gleisi e de seus advogados, repetindo o mesmo padrão dos tempos de Rodrigo Janot.

Agora, foram vazados para a Folha trechos do inquérito sobre a JBS, mostrando que no dia da gravação de Temer por Joesley Batista, o ainda procurador da República Marcelo Miller trabalhou 16 horas seguidas para a JBS, das 7 da manhã às 23. Joesley ligou o gravador que grampeou Temer às 22hs31. A gravação terminou 38 minutos depois.

Segundo o jornal, o dado consta em e-mail enviado pelo ex-procurador a Esther Flesch, a advogada que o levou para o escritório Trench Rossi Watanabe.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Quando Teori se irritou, Lava Jato articulou apoio a Moro

16 comentários

  1. A “sangria” do Judiciário

    O Judiciário faz parte do golpe e ele não age apenas por consciência de classe (elite), mas também pela sua própria supervivência corporativa. Golpistas e corruptos sabem o fundamento da frase “com Supremo, com tudo”, de modo que é um risco para o Judiciário se a opinião pública e também os “delatores” começassem a perceber que a lava-jato começa a furar.

    A mudança da opinião pública contra a lava-jato poderia estimular os delatores do outro lado a abrir o jogo, delatando Juízes e promotores, como de fato tem sido noticiado. Cunha, Geddel, Rocha Loures e etc. não abrem o jogo até agora (e nem sequer são pressionados a fazê-lo) não porque são corajosos, mas porque sabem que estão do lado que por agora parece ser o ganhador: o Golpe.

    Nestes dias está sendo noticiado que a JBS (Joesley e Wesley) abrirá fogo contra o judiciário, nas suas delações. Por conta disso, o aparelho de justiça tentará silenciar e deter essa “sangria”, a sua própria sangria.

    O Judiciário vai proteger a lava-jato por conta da supervivência do próprio judiciário, por isso o Corporativismo desta categoria, evidenciado pela atuação do TRF4 contra Lula.

  2. Alguém esperava mesmo que

    Alguém esperava mesmo que alguma coisa fosse mudar com a saída de janot? Se a PGR nomeada por temer atravessar o samba, ela dança…

  3. E a população em coma!

    O brasileiro desligou o cérebro… a manipulação nunca foi tão descarada.

    Eu nunca pensei que esse tipo de estratégia fosse durar após os bandidos tomarem o poder… mas pelo jeito o povo se imbecilizou de tal maneira que um presidente gravado negociando malas de dinheiro aparece em programas de TV posando de salvador da pátria e o povo aceita tudo.

  4. É só aparecer tucanos em
    É só aparecer tucanos em denúncias,q logo arranjam algum factóide escândalo do PT para abafar a repercussão dos “bandidos preferidos” da mídia,isso funciona bem com o povão e é uma desculpa do PIG p dizer q estão dando notícias!
    Obs:Q papelão vergonhoso das nossas instituições,sempre fazendo o q querem os empresários inescrupulosos !

      • Lenita,sabe,nós somos
        Lenita,sabe,nós somos culpados tb,pq incrívelmente eles sempre fazem isso e incrívelmente sempre dá certo e incrívelmente não sabemos denunciar isso,parece q não sabemos pegar um porrete bem grosso e tááá neles !
        Obs:Deve ser síndrome escravagista Brasilis,só sabemos apanhar(sei q exagerei)

  5. ORCRIMs dominam sistemas midiático, midi-policiário e político

    Desde que foi deflagrada chamo a Fraude a Jato pelo qe é: uma ORCRIM instituccional, composta por policiais federais, procuradores e juízes. Outras ORCRIMs pergigosas, cheias de poder, são a midiática, a da bufunfa (setor empresarial, latifundiário e das finanças) e oligarquias da velha política, umbilicalmente ligadas com as judiárias.

    Por covardia e/ou medo tantoo GGN como outros blogues e portais progressistas vêm se esquivando em chamar os criminosos de Estado pelo que são. Mas o Duplo Expresso – em princípio com o auxílio do Rodrigo Tacla Durán, depois de forma independente e com ajuda de fontes que conhecem o lado podre do sistema judiciário – assim como o bravo Marcelo Auler desmascaram e desnudan a ORCRIm Fraude a Jato, expondo-lhe as entranhas pútridas e fétuidas. 

    O que essa notinha do GGN mostra é o que tenho falado e escrito desde 2014. A Fraude Jato JAMAIS teve ou em o propósito de combater a corrupção; o que essa ORCRIM institucional visa é aniquilar o PT e a Esquerda, criminalizando as lideranças políticas do partido, de modo que não mais possam governar o Brasil e levar adiante um projeto de desenvolvimento inclusivo para o Brasil.

    Espero que este comentário não seja censurado, como aconteceu com vários outros, em que faço críticas ácidas ao GGN. Dentre os auto-enganos cometidos por Luís Nassif não podemos deixar de mencionar a ilusão dele com o papel de Raquel Dodge (atual PGR), que aceitou não só a nomeação feita pelo vampirão neoliberalista, mas também um encontro ‘às escurinhas’, atrás de moitas, com o golpista-usurpador-corrupto profissional e chefe de quadrilha, levado a o Planalto pelo golpe de Esatdo de 2016.

  6. O PT ajudou na crise

    Infelizmente já não ha mais esperanças de um Brasil , soberano, justo, mais igualitário e acima de tudo democrático. Há vários culpados nessa encruzilhada que chegamos. Porém, as alianças espúrias e equivocadas do PT somado à miopía de suas lideranças e a fragilidade com que lidaram com o golpe talvez seja de longe a maior delas. O amadorismo político ,a covardia como lidaram com os golpistas foi um negócio assustador. O PT entregou a rapadura fácil demais. A participação dos parlamnteres do PT no processo do impeachment  na câmara e no senado, dava até dó de tanto que apanharam, restringindo-se apenas a discursos que não levavam há absolutamente nada. A própria ida da presidente Dilma ao congresso durante a sua defesa foi um massacre. Abandonada à sua própria sorte, se esperava da presidente muito mais que falar a verdade. Se esperava dela um comportamento mais contunente, mais agressivo à la Nikita Kruchev quando foi à ONU, no famoso caso dos mísseis soviéticos em Cuba. Kruchev chegou a tirar um dos sapatos e dar uma porrada com eles na mesa. Hoje, o PT junto aos seus aliados mais próximos, está mais perdido que cego em tiroteio vendo a banda passar, sem o apoio suficiente do eleitorado progressista tendo apenas na CUT no MST e no MTST os seus apoiadores mais participativos, porém, insuficientes para uma virada de mesa. O resultado está ai. Um desastre que não se sabe quanto tempo vai durar e não será pouco.

  7. Tudo Como Dantes

    Nassif: tá tudo como dantes (no Quartel D’Abrantes e no Rio). Onde a novidade? Essa tem sido uma constante em ambas as entidades. Eu estranharia se vosse ao contrário…

  8. Na minha cabeça ….

    Não cconsigo jamais entender pq essa gente é todinha contra o PT, Lula, etc.

    Será ideologia ?

    Será a força da grana ?

    Será preconceito de classes ?

    Será que estão reféns de algo ?

    Ou tudo junto e misturado ?

    Tudo isto até consigo entender, mas ser contra o país e aceitar a venda de nossas riquezas, não cabem na minha cabeça, definitivamente.

    • Concurseiros atraídos pelo dinheiro

      Um mal da desigualdade social extrema é que cargos do serviço público (como juízes, procuradores e delegados federais) são preenchidos por quem está atrás dos altos salários (dinheiro) e auxílios, em vez de serem atraídos por vocação. E quem gosta mais do dinheiro do que de outras realizações pessoais, tem mais identidade com a ideologia dos banqueiros, do mercado financeiro, do capital estrangeiro (vide o deslumbramento dos lavajateiros com prêmios, cursos e palestras nos EUA) do que com o conceito de fazer justiça na acepção da palavra (não confundir com poder judiciário),  do que com o pertencimento à uma nação, cuja maioria da população é ainda pobre e vítima de constantes injustiças sociais.

    • Entendimento Geral

      Lenita: gostaria que fosse só na sua cabeça a não compreensão. Mas, tranquilamente, lhe asseguro que é na de todos nós. Agora, finalmente, um dos artifices das coisas, se fez presente, de corpo inteiro. Com armas e tanques. Aos poucos vão se revelando. Porem o que me desgosta e assusta é a inatividade da maioria silenciosa.

  9. Como falo a tempos o MPF e a

    Como falo a tempos o MPF e a tal PGR são os carros de combate do golpe.

    O MPF tem de ser totalmente reformulado ou extinto. Não passa de uma quadrilha.

  10. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome