Especialista defende WhatsApp como canal de SAC

Jornal GGN – O aplicativo WhatsApp é uma das ferramentas de comunicação instantânea mais utilizadas no momento, estando em cerca de 74% dos smartphones do país. Se antes era usado entre usuários comuns para mensagens particulares, a ferramenta começa a ser aderida por empresas de diferentes segmentos de varejo como um canal de relacionamento com o cliente – prática defendida pelo especialista Vladimir Valladares, diretor da V2 Consulting.

Para ele, as empresas só precisam enxergar o software para além de uma ferramenta com a finalidade de oferecer ofertas diretamente aos usuários, mas estabelecer uma mídia para ouvir críticas e sugestões, assim como já acontece nas redes sociais. Contudo, o especialista afirma que é preciso haver preparação por parte da empresa para que o aplicativo não acabe virando um problema ao virar apenas mais uma mídia de relacionamento.

“A grande vantagem do Whatsapp em relação as outras redes é que a mensagem fica restrita à empresa e não exposta aos demais participantes do canal, a não ser que se criem grupos específicos de divulgação, o que não é aconselhável nestes casos”, explica Valladares. Ele ressalta a necessidade de que eventuais atendentes via WhatsApp precisam ficar aptos ao tempo de resposta com as devidas escalas de autonomia e cumprimento dos procedimentos que cada operação demanda.

“Para empresas que trabalham com central de escala e alta demanda, o Whatsapp certamente vem somar, especialmente pela fácil acessibilidade da ferramenta”, salienta o especialista.

Leia também:  TSE escolhe a dedo testemunhas do caixa 2 de Bolsonaro no WhatsApp

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

2 comentários

  1. como gerenciar os chamados?

    Que softwares existem para gerenciar isto? O Whatsapp tem que interagir com o sistema da empresa. Sem isto, fica impossível gerenciar (dar seguimento, registrar, responder) os chamados, ainda que seja apenas uma dezena de chamados por dia.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome